Brasil

Preço da cesta básica cai em 17 capitais, aponta Dieese

O preço dos itens que compõem a cesta básica diminuiu em 17 capitais brasileiras em novembro, de acordo com a Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos divulgada nesta quarta-feira (6) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioconômicos, o Dieese.

As maiores quedas foram registradas no Rio de Janeiro (3,25%), Belém (2,26%) e Brasília (2,12%). Já Aracaju, Maceió, Recife e Natal apresentaram altas que variam de 0,21% a 0,96%.
A cesta básica mais cara do país é a de Porto Alegre, que custa R$ 444,16. Em seguida vem São Paulo, que comercializa a cesta a R$ 423,23. No outro extremo, as mais baratas foram registradas em Salvador (R$ 315,98), João Pessoa (R$ 324,90) e Recife (R$ 327,85).

No ano, Campo Grande é a capital que acumulou a maior redução de preço da cesta básica, com queda de mais de 14% (R$ 364,43). O Dieese ainda divulgou que, baseada na cesta básica mais cara do país, o salário mínimo do trabalhador brasileiro que sustenta uma família de quatro pessoas deveria ser R$ 3.731,39. O valor é quase quatro vezes maior do que o atual, que é de R$ 937.

 

Plantão de Notícias 24h - WhatsApp 012 99715 1999 | Notícias do Vale do Paraíba, Sul de Minas e Sul Fluminense

Copyright © 2018 Mix Vale

To Top