Destaque Cidade

Quina paga R$ 1,3 milhão para bolão feito no Paraná

Um bolão de 12 cotas foi a única aposta ganhadora do prêmio principal do concurso 4.752 da Quina e receberá R$ 1,3 milhão. O jogo foi realizado na Lotérica Mariana (Av, Brasil nº 1.479, sala 2), no bairro São Cristóvão, em Maringá (PR). Cada cota receberá cerca de R$ 111 mil. Os números sorteados foram 07, 09, 23, 37 e 66.

O sorteio da Quina aconteceu na quinta-feira (16), no Caminhão da Sorte, que está em Coribe (BA). Além do prêmio principal, na segunda faixa de premiação, com quatro acertos, 128 apostas recebem R$ 3.032,23. Outras 7.287 apostas acertaram três números e levam o prêmio de R$ 80,09. Com dois acertos, 159.468 apostas recebem R$ 2,01.

No sorteio desta sexta-feira (17), a Quina pode pagar o prêmio de R$ 600 mil para quem acertar todos os números da Quina. O concurso 4.753 da modalidade será realizado às 20h, no mesmo local do sorteio anterior.

Como jogar

Para jogar na Quina, basta marcar de 5 a 15 números dentre os 80 disponíveis no volante. Ganha quem tiver dois, três, quatro ou cinco acertos. Se não quiser escolher os números, o apostador pode optar pela surpresinha e deixar que o sistema escolha por ele. Os sorteios da Quina são realizados seis vezes por semana, de segunda-feira a sábado. O preço da aposta simples, com cinco números, é R$ 1,50.

As apostas podem ser feitas em qualquer uma das mais de 13 mil casas lotéricas do Brasil. Também é possível jogar pelo computador, tablet ou smartphone. Para isso é preciso ter mais de 18 anos e preencher o cadastro na plataforma de Loterias On-line da CAIXA, que pode ser acessada clicando aqui.

Antigos volantes valem até acabar o estoque
A substituição dos volantes é gradativa, na medida em que os lotéricos solicitam novos estoques. Os antigos não perdem a validade e devem ser utilizados até que terminem. “A produção dos novos volantes iniciou em setembro de 2017 e a expectativa é que até a metade deste ano estejam em todas as lotéricas”, explica o superintendente da CAIXA.

A produção dos volantes lotéricos busca garantir estoque para dois meses, seguindo a média de consumo de cada uma das mais de 13 mil lotéricas pelo país. No total são produzidos 240 milhões de volantes por mês, que são repostos conforme o estoque de cada lotérica vai reduzindo.

Os volantes são produzidos em uma gráfica localizada em Juiz de Fora (MG) e entregue a uma distribuidora que fica em São Paulo (SP). Esta é a responsável por abastecer todas as casas lotéricas do país mediante solicitação do lotérico.

Mais espaço para apostar
Os jogos mais procurados, Mega-Sena, Quina, Lotofácil e Dupla Sena, ganharam mais um quadro de apostas. No volante anterior, o apostador tinha a opção de fazer duas apostas; no novo, são três. “O objetivo é facilitar a realização de mais apostas em um único volante e assim economizar no consumo do papel”, afirma Braga.

Quina paga R$ 1,3 milhão para bolão feito no Paraná
To Top
error: