Destaque Cidade

Casa de eventos onde caiu mezanino no ABC não tinha licença para funcionar, diz prefeitura

O empresário Paulo José Ramos de Carvalho, 55 anos, não tinha licença e nem alvará para funcionamento do Bar Dançante Dom Paollo, onde um mezanino caiu ferindo ao menos 26 pessoas na rua Gertrudes de Lima, no Centro de Santo André, no ABC Paulista, neste domingo (23). As informações são da Prefeitura Municipal de Santo André, que interditou o local após o acidente.

O local já foi um bingo clandestino chamado Las Vegas, em 2016, e foi fechado com dois dias de funcionamento.

Segundo a administração municipal, “o interessado solicitou pedido de licenciamento para atividade de lanchonete sem venda de bebidas alcoólicas neste local, o qual ainda não foi deferido pois aguardava a apresentação do Auto de Vistoria dos Bombeiros. Portanto, o local não poderia estar em funcionamento, nem como lanchonete.”

Segundo o Corpo de Bombeiros de Santo André, o estabelecimento não tem o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB). O documento é emitido para certificar se o prédio possuía as condições de segurança contra incêndio e pânico. O certificado é obrigatório quando a edificação, por exemplo, passa por reforma ampliação ou construção, ou sofre mudança de ocupação ou uso.

A fiscalização da prefeitura constatou, “durante uma averiguação de rotina, que não havia indícios de início de atividade no local no modelo em que foi solicitado.”

Ainda de acordo com a nota da prefeitura, o empresário chegou a tentar, sem sucesso, a montar uma casa noturna no local. “Destacamos que no ano de 2017 o interessado solicitou ainda alvará de uso de solo para a atividade de casa noturna, ao qual foi indeferido por não atendimento à legislação. Ressaltamos que, no que diz respeito ao evento que ocorreu no domingo, o proprietário não comunicou a Prefeitura sobre a realização do mesmo.”

O diretor da agência Talentos Brilhantes, Flavio Marques, disse em nota que “desde o primeiro momento, estamos em contato com nossos agenciados para prestar-lhes assistência no que precisarem”.

Ele considerou “uma grande infelicidade, que graças a Deus não resultou em ferimentos graves para nenhum dos participantes”.

G1 entrou em contato com o responsável pelo Bar Dançante Dom Paollo no domingo e neste segunda (24) para comentar sobre o ocorrido, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem.

Mezanino de casa de eventos que desabou em Santo André é periciado

Leão Lobo estava no local

O evento era organizado pela agência Telearte e com apresentação de Leão Lobo, que estava no palco do local com uma adolescente no momento do desabamento. O ator Jean Paulo Campos, conhecido pelo personagem Cirilo, da novela Carrossel, também estava no estabelecimento.

De acordo com a assessoria de Jean Paulo, ele iria cantar no evento e estava no camarim quando o mezanino desabou. Ele não se feriu e apenas ficou assustado com o ocorrido.

Ao G1, a assessoria de imprensa de Leão Lobo informou que ele era contratado pela agência como mestre de cerimônias e sempre era acompanhado pela filha neste tipo de evento. Ele não ficou ferido. Fonte G1

Casa de eventos onde caiu mezanino no ABC não tinha licença para funcionar, diz prefeitura
To Top