Acidente

Bombeiros de MG falam em 200 desaparecidos na Barragem da Vale em Brumadinho, na Grande BH

Barragem de mineração se rompe em Minas Gerais, diz Corpo de Bombeiros

Há 200 pessoas desaparecidas após o rompimento da barragem de Brumadinho (MG), na Grande BH, segundo o Corpo de Bombeiros.

Segundo a corporação, um posto de arrecadação de alimentos foi montado na Faculdade Asa de Brumadinho.

Ao todo, 51 bombeiros e seis aeronaves atuam no resgate.

Uma barragem de mineração se rompeu nesta sexta-feira na região de Brumadinho, em Minas Gerais, informou o Corpo de Bombeiros, citando relatos de testemunhas.

Relatos não confirmados indicam vítimas fatais após o rompimento de barragem de mineração, segundo os bombeiros.

A assessoria de imprensa da Vale não confirmou de imediato informações publicadas pela mídia local de que a barragem seria da mineradora.

De acordo com a Defesa Civil, os moradores que moram na parte mais baixa da cidade serão retirados das casas.

Lama se espalha pela vegetação — Foto: Redes sociais

Lama se espalha pela vegetação — Foto: Redes sociais

Os militares e os agentes foram acionados e estão indo até uma região do Córrego do Feijão.

Às 13h20, o Corpo de Bombeiros confirmou o rompimento.

Fotos de populares divilgadas pelo Corpo de Bombeiros mostram a lama. Nas redes sociais, a prfeitura da cidade publicou um alerta para que a população não fique perto do leito Rio Paraopeba.

A informação do chamado dos bombeiros dá conta de que trata-se possivelmente de uma barragem de rejeitos e que haveria vítimas.

O helicóptero do Corpo de Bombeiros está sobrevoando o local.

A Defesa Civil Estadual confirma o rompimento, mas ainda não sabe em que local exatamente. Os técnicos estão se deslocando de helicóptero.

Às 13h27, a mineradora Vale disse que se manifestaria mais tarde.

O Insituto Inhotim, que fica em Brumadinho, informou que, por precaução, está retirando funcionários e visitantes do local.

Alerta da prefeitura

Fotos de populares divulgadas pelo Corpo de Bombeiros mostram a lama. Nas redes sociais, a prefeitura da cidade publicou um alerta para que a população não fique perto do leito Rio Paraopeba.

O Instituto Inhotim, que fica em Brumadinho, informou que, por precaução, está retirando funcionários e visitantes do local.

Barragem em Brumadinho, na Grande BH — Foto: Redes sociais

Barragem em Brumadinho, na Grande BH — Foto: Redes sociais

Barragem se rompe em Brumadinho (MG) — Foto: Globocop/Reprodução

Barragem se rompe em Brumadinho (MG) — Foto: Globocop/Reprodução

Nota da Vale

Veja a íntegra do texto:

“A Vale informa que ocorreu, no início da tarde de hoje, o rompimento de uma barragem na Mina Feijão, em Brumadinho (MG). As primeiras informações indicam que os rejeitos atingiram a área administrativa da companhia e parte da comunidade da Vila Ferteco. Ainda não há confirmação se há feridos no local. A Vale acionou o Corpo de Bombeiros e ativou o seu Plano de Atendimento a Emergências para Barragens.

A prioridade total da Vale, neste momento, é preservar e proteger a vida de empregados e de integrantes da comunidade.

A companhia vai continuar fornecendo informações assim que confirmadas.”

To Top