Economy

Preços do petróleo caem mais de 1% após aumento em estoques de combustíveis dos EUA

Por Stephanie Kelly

NOVA YORK (Reuters) – Os contratos futuros do petróleo recuaram mais de 1% nesta quarta-feira, ampliando uma queda de mais de 3% registrada na sessão anterior, depois de dados do governo dos Estados Unidos mostrarem grandes aumentos nos estoques de produtos refinados no país.

Os futuros do petróleo Brent fecharam em queda de 0,69 dólar, ou 1,1%, a 63,66 dólares por barril. Já os futuros do petróleo dos EUA recuaram 0,84 dólar, ou 1,5%, e encerraram a sessão a 56,78 dólares o barril.

Embora dados divulgados nesta quarta-feira pela Administração de Informação sobre Energia (AIE) dos EUA tenham apontado um recuo maior que o esperado nos estoques de petróleo do país na última semana, grandes avanços nas reservas de produtos refinados mantiveram os preços em baixa.

Os estoques de petróleo bruto diminuíram 3,1 milhões de barris, segundo a AIE, acima das previsões de analistas, que projetavam um decréscimo de 2,7 milhões de barris.

Por outro lado, os estoques de gasolina avançaram 3,6 milhões de barris, ante uma estimativa compilada pela Reuters com analistas de uma queda de 925 mil barris. Ainda segundo a AIE, as reservas de derivados cresceram em 5,7 milhões de barris, muito além da expectativa de um avanço em 613 mil barris.

“Os estoques de gasolina e derivados aumentaram fortemente, o que acrescenta um tom baixista ao relatório”, disse Carsten Fritsch, analista de petróleo do Commerzbank. “O fato é que isso é um reflexo da demanda mais fraca.”

(Reportagem adicional de Shadia Nasralla em Londres e Aaron Sheldrick em Tóquio)

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF6G1TB-BASEIMAGE

To Top