Latin America

Açúcar bruto avança na ICE após tocar mínima de 8 semanas; café recua

NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do açúcar bruto na ICE avançaram ligeiramente nesta sexta-feira, permanecendo acima da mínima de oito semanas atingida na sessão anterior com o excesso de oferta mantendo o mercado na defensiva, enquanto os preços do café arábica caíram cerca de 1%.

AÇÚCAR

* O contrato outubro do açúcar bruto fechou em alta de 0,04 centavo de dólar, ou 0,4%, a 11,59 centavos de dólar por libra-peso, mantendo-se acima da mínima de oito semanas, de 11,53 centavos, tocada na sessão anterior.

* O vencimento recuou quase 5,8% na semana, na pior performance semanal do contrato de primeiro mês em um ano e meio.

* Os preços vêm sendo empurrados para baixo por preocupações a respeito da oferta global abundante e da possível fraqueza de demanda na Ásia, especialmente após uma grande entrega de açúcar branco da Tailândia contra o vencimento agosto, que expirou na terça-feira.

* Preocupações quanto às exportações indianas também foram um fator baixista, segundo operadores.

* O vencimento outubro do açúcar branco subiu 3,10 dólares, ou 1%, para 315,70 dólares por tonelada.

CAFÉ

* O café arábica para setembro fechou em queda de 1,3 centavo de dólar, ou 1,2%, a 1,073 dólar por libra-peso. O contrato avançou 0,4% na semana.

* A ameaça de geadas no Brasil, que levou os preços a subirem no início deste mês, agora aparentam ser mínimas, com meteorologistas da Radiant Solutions esperando que as temperaturas permaneçam acima da média nos próximos um a cinco dias, segundo uma nota ao mercado.

* O contrato setembro do café robusta recuou 8 dólares, ou 0,6%, para 1.419 dólares/tonelada. Os preços caíram pela terceira semana consecutiva, cedendo quase 0,4% nesta semana.

(Reportagem de Ayenat Mersie em Nova York e Nigel Hunt em Londres)

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF6I1J1-BASEIMAGE

To Top