Business

Lucro da BlackRock é atingido por taxas baixas em empréstimos de ações

Por Trevor Hunnicutt

(Reuters) – A BlackRock <BLK.N>, a maior administradora de ativos do mundo, recebeu menos dinheiro no último trimestre, com investidores entrando em fundos de títulos de menor custo, e ganhou menos dinheiro com empréstimo de ações.

A empresa, administradora de 6,8 trilhões de dólares em ativos, divulgou resultados abaixo das estimativas dos analistas para vendas trimestrais e lucros nesta sexta-feira, apesar de atrair 151 bilhões de dólares em dinheiro novo, grande parte desse dinheiro mudou para fundos de renda fixa e contas usadas para armazenar dinheiro.

A receita da empresa nos três meses encerrados em 30 de junho caiu 2,2%, para 3,52 bilhões de dólares em relação ao mesmo período do ano anterior, afetada também por alguns cortes nos honorários e por taxas mais baixas para atingir as metas de desempenho.

O lucro líquido atribuível à BlackRock, com sede em Nova York, caiu para 1 bilhão de dólares, ou 6,41 dólares por ação, de 1,07 bilhão, ou 6,62 dólares por ação, um ano antes. A empresa citou despesas relacionadas a aquisições recentes e uma taxa de imposto efetiva mais alta.

Os analistas esperavam um lucro de 6,50 dólares por ação, segundo dados do IBES da Refinitiv.

As despesas totais aumentaram quase 4%, para 2,25 bilhões de dólares.

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF6I15K-BASEIMAGE

To Top