Economy

EUA e Reino Unido discutem acordo comercial que poderia entrar em vigor em 1° de novembro

LONDRES (Reuters) – O Reino Unido e os Estados Unidos estão discutindo um acordo parcial de comércio que pode entrar em vigor em 1º de novembro, um dia depois de os britânicos deixarem a União Europeia, disse uma autoridade do governo Trump nesta terça-feira.

O funcionário também disse que o assessor de segurança nacional dos EUA, John Bolton, e a ministra do Comércio britânica, Liz Truss, discutiram a possibilidade de os dois países assinarem uma declaração sobre um roteiro para um acordo comercial na reunião do G7 deste mês, na França.

Segundo a autoridade, Bolton e o ministro das Finanças britânico, Sajid Javid, discutiram a possibilidade de um acordo comercial temporário que cubra todos os setores e que duraria por volta de seis meses.

Durante sua visita de dois dias em Londres, Bolton disse ao primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, que o presidente Donald Trump quer uma saída britânica bem-sucedida da União Europeia em 31 de outubro e que o governo norte-americano estará pronto para trabalhar rapidamente em um acordo de livre comércio entre EUA e Reino Unido.

Bolton, que agora deixou o Reino Unido, está buscando uma melhor relação entre EUA e Reino Unido com Johnson, depois de ligações tensas entre Trump e a antecessora de Johnson, Theresa May.

(Por Steve Holland)

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF7C1HW-BASEIMAGE

To Top