Brasil

Guarani vence a segunda seguida e Figueirense atinge 11 jogos de jejum na Série B

Rodada inicial do Brasileirão terá duelo dos campeões Palmeiras e Fortaleza

Os jogadores do Figueirense receberam nesta semana três meses de salários atrasados, mas neste sábado ainda não quebraram o jejum de jogos sem vencer, que agora são 11, no Campeonato Brasileiro da Série B. Mesmo atuando em casa, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, perdeu para o Guarani por 1 a 0 em jogo válido pela 20.ª rodada, que abre o returno da competição.

Em queda, o Figueirense continua com 21 pontos em 16.º lugar. Esta foi a segunda vitória seguida do Guarani, que antes tinha batido o Londrina por 1 a 0, em Campinas (SP). Há sete meses o time campineiro não vencia fora de casa. A última tinha ocorrido diante do São Paulo por 1 a 0, no estádio do Pacaembu, pelo Campeonato Paulista. Mesmo assim segue na lanterna com 19 pontos. Esta foi a segunda vitória seguida também do técnico interino Thiago Carpini, em três jogos.

Logo aos três minutos, o visitante perdeu a experiência do atacante Marquinhos, que saiu machucado, para a entrada de Filipe Cirne. O time paulista não parecia temer o Figueirense, tanto que chutou primeiro a gol aos 15 com Bady, com o goleiro Matheus Vidotto rebatendo para frente.

A melhor chance, porém, saiu pelo lado do time da casa aos 20 minutos. Após levantamento na área, Fillipe Matheus escorou e o centroavante Rafael Marques testou firme. O goleiro Kléver saltou e deu um leve toque na bola, que ainda explodiu no travessão antes de ser aliviada pela defesa.

O jogo continuava aberto, tanto que o Guarani voltou a arriscar de fora da área, desta vez com Arthur Rezende, mas Matheus Vidotto se agachou e encaixou bem a bola.

O placar foi aberto aos 44 minutos, quando Deivid aliviou a bola no campo defensivo e encontrou Davó adiantado, em impedimento. A arbitragem deixou o lance prosseguir, o atacante tentou na primeira, na defesa parcial de Matheus Vidotto, mas a bola subiu e o artilheiro conferiu até ela atravessar a linha do gol. Feliz da vida, o jovem atacante tirou a camisa na comemoração e recebeu o cartão amarelo.

No minuto seguinte, Andrigo quase empatou ao soltar uma bomba e assustar Kléver. No intervalo praticamente todos os jogadores do Figueirense, mais o técnico Vinícius Eutrópio, foram reclamar com o trio de arbitragem, especialmente com o auxiliar número 2, o pernambucano Francisco Chaves Bezerra Junior.

Para o segundo tempo, só restava ao Figueirense apertar a marcação na frente. Mesmo com isso, pouco perigo levou para Kléver. Vinícius Eutrópio ainda tentou dar mais agressividade ao ataque com as entradas de Robertinho e Yuri Mamute, respectivamente, nos lugares de Denner e Andrigo.

Sentindo a pressão, Thiago Carpini reforçou a marcação com a entrada do volante Ricardinho no lugar do meia Bady. Mas Vinícius Eutrópio respondeu com Raphael Soares no lugar de Fellipe Mateus. O Guarani parecia muito encolhido na defesa, mas sem correr risco de sofrer o empate. Os últimos minutos foram de pressão catarinense, porém sem poder de finalização não conseguiu nem o empate.

Pela 21.ª rodada, o Figueirense vai enfrentar o São Bento, na próxima sexta-feira, às 18h45, em Sorocaba (SP). O Guarani receberá o Oeste no sábado, às 16h30, em um duelo paulista contra o rebaixamento.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE 0 x 1 GUARANI

FIGUEIRENSE – Matheus Vidotto; Kauê, Pereira, Alemão e Renner (Robertinho); Zé Antônio, Betinho e Andrigo (Yuri Mamute); Willian Popp, Fellipe Mateus (Raphael Soares) e Rafael Marques. Técnico: Vinícius Eutrópio.

GUARANI – Kléver; Bruno Souza, Bruno Lima, Luiz Gustavo (Diego Giaretta) e Thallyson; Deivid, Igor Henrique, Arthur Rezende e Bady (Ricardinho); Marquinhos (Filipe Cirne) e Davó. Técnico: Thiago Carpini (interino).

GOL – Davó, aos 44 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Fellipe Matheus, Willian Popp e Zé Antônio (Figueirense); Davó, Deivid, Kléver e Luiz Gustavo (Guarani).

ÁRBITRO – José Washington da Silva (PE).

RENDA – R$ 55.480,00.

PÚBLICO – 2.706 pagantes (3.165 no total).

LOCAL – Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

To Top