Africa

Naspers retira participação da Tencent da África com listagem da Prosus

Por Toby Sterling

AMSTERDÃ (Reuters) – O grupo sul-africano de comércio eletrônico Naspers listará na quarta-feira em Amsterdã seu império global de ativos de internet com o nome de Prosus e a joia da coroa é uma fatia de 31% na gigante chinesa de tecnologia Tencent.

A participação na Tencent, maior empresa de videogames do mundo e lar da popular plataforma de mídia social WeChat, agora vale 130 bilhões de dólares e sustentou o rápido crescimento da Naspers para se tornar a empresa listada mais valiosa da África.

Devido a essa participação, a Prosus deve ter um valor de mercado de mais de 100 bilhões de dólares, o que a tornaria a terceira maior ação da bolsa de Amsterdã, atrás da Shell e da Unilever e a segunda maior de tecnologia da Europa após a alemã SAP. Os jogadores europeus ainda são, no entanto, superados pelo Facebook e pela Amazon nos Estados Unidos.

A participação na Tencent vale mais do que a própria Naspers há anos e dominou as finanças do grupo de 103 bilhões de dólares. Uma motivação para a listagem da Prosus é reduzir essa diferença de valor.

A Prosus também tem fatias em empresas de entrega de comida, mídias sociais e pagamentos de China, Índia, Brasil e Rússia.

“Acreditamos que a Prosus apresentará uma nova e atraente oportunidade para investidores globais de tecnologia acessarem nosso portfólio exclusivo de negócios na internet, fornecendo uma base sólida para nossos planos de crescimento futuro”, disse o presidente-executivo Bob van Dijk.

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF891X2-BASEIMAGE

To Top