Latin America

Piora em condição de safra nos EUA impulsiona milho e soja; trigo também avança

CHICAGO (Reuters) – Os contratos futuros do milho em Chicago se recuperaram nesta terça-feira das mínimas de quatro meses atingidas na sessão anterior, depois de o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês) apontar que a condição da safra do país recuou inesperadamente durante a última semana.

A soja acompanhou a alta do milho, apesar da estabilidade em seus índices de condição de safra, à medida que temores com as baixas produtividades em colheitas tardias sustentaram os preços.

Já o trigo avançou por reflexos das altas em milho e soja, além de preocupações de que a seca em determinadas áreas do Hemisfério Sul possa prejudicar os rendimentos na Austrália e Argentina.

O contrato dezembro do milho fechou em alta de 7,25 centavos de dólar, a 3,615 dólares por bushel, enquanto a soja para novembro avançou 14,25 centavos, para 8,72 dólares o bushel. O vencimento dezembro do trigo subiu 7,75 centavos, fechando a 4,8225 dólares/bushel e ampliando os ganhos da segunda-feira, que foram os mais fortes em dois meses.

(Reportagem adicional de Michael Hogan em Hamburgo e Naveen Thukral em Cingapura)

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF8922X-BASEIMAGE

To Top