Benefícios

Benefício INSS pode demorar quanto tempo

portalmixvalegoogle

Benefício INSS pode demorar quanto tempo. O assistente de cobrança Edmilson Ribeiro Lima, 57 anos, diz que deu entrada em sua aposentadoria por tempo de contribuição no dia 10 de outubro deste ano, mas reclama que, até agora, não obteve resposta.

Desempregado desde maio, o segurado afirma ter somado 35 anos e dois meses de contribuição ao INSS, em empregos formais com registro em carteira.

Extrato Previdenciário do CNIS pela internet no INSS

“Dia 1º de dezembro, fiz uma reclamação na Ouvidoria e simplesmente responderam que a minha solicitação foi encaminhada para o programa especial de análise, mas, até agora, não houve nenhuma resposta.

O assistente de cobrança Edmilson Ribeiro Lima, 57 anos, diz ter 35 anos e 2 meses de contribuição; ele está desempregado desde maio e quer se aposentar – Martha Salomão/Folhapress

Lima explica que sua situação foi agravada por problemas de saúde. “Em abril de 2017, tive um infarto e recebi auxílio-doença por alguns meses. Quando voltei ao trabalho, a empresa queria me mandar embora.

Como entrei na estabilidade, não puderam. Dois meses depois da estabilidade, em maio, fui demitido”, conta.

O leitor afirma que recebeu as parcelas do seguro-desemprego até outubro e que, agora que o benefício acabou, não tem mais nenhuma fonte de renda.

Pis e FGTS: certidão do INSS permite saque

Ele diz ter diabetes e hipertensão, o que faz com que gaste muito com medicamentos. “Preciso muito da aposentadoria para sobreviver e sustentar minha família, pois tenho dois filhos adolescentes e, atualmente, não tenho nenhum fonte de renda”, afirma o leitor à reportagem.

INSS libera a aposentadoria

Por meio de sua assessoria de imprensa, o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) informou que a aposentadoria por tempo de contribuição do segurado foi concedida em 26 de dezembro, “com data de pagamento retroativa a 10 de outubro deste ano”.

Segundo o órgão, o trabalhador pode obter detalhes do seu processo na internet, no site gov.br/meuinss, por meio do cadastro de seus dados e de senha, ou pelo telefone 135.

Mudanças nas Aposentadorias do INSS com a Reforma da Previdência

To Top