Exposição interativa na capital aborda matemática de jeito divertido e interativo

A exposição interativa “Matemática: um outro olhar” abre a programação de 2020 do Centro Universitário Maria Antonia, da Universidade de São Paulo (USP), com objetos feitos para encantar, desafiar, instigar e surpreender os visitantes de todas as idades, mesmo aqueles que não costumam ter uma relação tão amigável com essa ciência, por relacioná-la apenas a conteúdos escolares.

A mostra, que será aberta em 5 de março, reúne peças do acervo do Centro de Difusão e Ensino de Matemática do Instituto de Matemática e Estatística (IME) da USP, que há 17 anos produz materiais que despertam o interesse das pessoas por matemática.

“Tudo é interativo e pode ser tocado. Alguns temas podem ser familiares, outros nem tanto, mas as peças sempre trazem para o visitante uma experiência real que o aproxima da beleza da matemática sem a linguagem formal que a caracteriza”, salienta o curador da mostra e também diretor da Matemateca, Eduardo Colli. Ele explica que cada objeto pode ser visto de formas diferentes, de acordo com a experiência prévia do visitante.

Entre as atrações estão as “árvores de steiner”, que mostram como as películas de sabão nos dão a resposta para saber a menor distância entre dois pontos, e jogos em que os visitantes podem se divertir e aprender por meio de modelos matemáticos, como tratar das mais diversas situações de conflito e cooperação entre dois ou mais agentes.

Mediadores

Para enriquecer a interação com o público, estudantes de graduação e de pós-graduação do IME atuarão como mediadores, tirando dúvidas e discutindo o conteúdo com os visitantes. “Trata-se de uma exposição que pode ser visitada por todo mundo e faz parte de entender essa matéria de um jeito diferente”, pontua Debora Garofalo, responsável pela área de tecnologia na Secretaria da Educação do Estado.

As escolas podem agendar visitas monitoradas pelo e-mail matemateca@ime.usp.br ou pelo telefone (11) 3091-1884. O Centro de Difusão e Ensino Matemateca, mais conhecido como Matemateca, surgiu em 2003 da vontade de professores do Instituto de Matemática e Estatística (IME) da USP de transmitir a visão da matemática dos especialistas diretamente ao público leigo, propondo novos olhares e uma relação mais próxima dessa ciência com a vida cotidiana ou com desafios instigantes.

O post Exposição interativa na capital aborda matemática de jeito divertido e interativo apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.