Explosão em fábrica de máquinas deixa 2 mortos e danifica casas em Houston
Internacional

Explosão em fábrica de máquinas deixa 2 mortos e danifica casas em Houston

(Reuters) – Uma explosão em uma fábrica de máquinas deixou dois mortos na manhã desta sexta-feira em Houston e danificou casas do bairro afetado, informaram autoridades e mídia.

A explosão provocou danos por todo o bairro que abriga a instalação da Watson Grinding and Manufacturing, no noroeste de Houston, deixando para trás destroços e arrancando diversas casas de suas fundações.

O chefe dos bombeiros de Houston, Samuel Pena, disse que as primeiras indicações apontam para um vazamento de gás propileno, um gás liquefeito incolor, inflamável e com vários usos industriais.

O chefe da polícia de Houston, Art Acevedo, afirmou que a investigação pode levar vários dias, semanas ou meses.

“Eu pensei que era um trovão”, disse Bruce Meikle, de 78 anos, proprietário de uma fábrica próxima que ouviu a explosão de sua casa, a cerca de 1,5 km do local.

A força da explosão torceu portas de metal de sua fábrica e provocou pequenos danos no interior, disse ele à Reuters.

O momento da explosão, por volta das 4h25 da manhã (horário local), foi capturado por uma câmera de segurança domiciliar e também foi exibido pela KTRK, mostrando um clarão ofuscante à distância, seguido por uma bola de fogo.

O xerife do condado de Harris, Ed Gonzalez, disse que a explosão foi sentida a uma distância de 22 quilômetros, com base em relatos nas mídias sociais.

“(A explosão) nos derrubou da cama, foi muito forte”, disse Mark Brady à televisão KPRC. “Quebrou todas as janelas da nossa casa. Trancou a porta da garagem de todo mundo por aqui… É uma zona de guerra por aqui.”

A explosão danificou várias casas na área, informou o Houston Chronicle, mostrando imagens de casas com janelas quebradas e detritos espalhados.

Pelo menos duas pessoas sofreram cortes no rosto depois que as janelas quebraram, de acordo com fotos publicadas no site do Chronicle.

Houston, um importante centro para a indústria de petróleo e gás, é a quarta maior cidade dos Estados Unidos, com uma população de cerca de 2,3 milhões.

(Reportagem de Bhargav Acharya e Peter Szekely)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG0N1NG-BASEIMAGE

To Top