Preços de petróleo recuam com menor demanda chinesa enquanto operadores aguardam cortes da Opep+
Agro

Preços de petróleo recuam com menor demanda chinesa enquanto operadores aguardam cortes da Opep+

Por Noah Browning

LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do petróleo recuavam nesta segunda-feira devido à fraca demanda chinesa após o surto de coronavírus, enquanto os operadores esperavam para ver se a Rússia se juntará a outros produtores na busca por cortes adicionais na produção.

A commodity caiu mais de 20% em relação a uma máxima tocada em janeiro depois que o vírus prejudicou a demanda do maior importador de petróleo do mundo e alimentou preocupações sobre o excesso de oferta.

O petróleo Brent recuava 0,25 dólar, ou 0,46%, a 54,22 dólares por barril, às 8:22 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía 0,23 dólar, ou 0,46%, a 50,09 dólares por barril.

“A pergunta para a qual todos estão desesperados para encontrar a resposta correta é quão prejudicial é a epidemia para a economia global e, portanto, para a demanda de petróleo e quanto tempo durará”, disse Tamas Varga, da corretora de petróleo PVM.

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG190VV-BASEIMAGE

To Top