Coronavírus já afeta consumo de energia e de combustíveis
Últimas Notícias

Coronavírus já afeta consumo de energia e de combustíveis

portalmixvaleultimasnoticias1200 (1)

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) – O isolamento social para evitar contágio pelo coronavírus já tem impactos no consumo de energia e de combustíveis no país. Nesta segunda (23), a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis) flexibilizou o horário de funcionamento dos postos.
Segundo o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), o consumo de energia começou a apresentar sinais de retração na quinta (19), quando foi 2,3% inferior ao verificado uma semana antes. No domingo (22), a queda foi de 8,9% na mesma base de comparação.
Com isso, caiu também a necessidade de geração hidrelétrica, o que possibilita a recuperação do nível de armazenamento dos reservatórios. No domingo, as usinas da região Sudeste e Centro Oeste tinham 48,7% de sua capacidade. Há um mês, eram 37,5%.
De acordo com a Fecombustíveis (Federação Nacional do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes), os postos vêm sentindo também os efeitos das medidas de isolamento.
Na quinta (19), as vendas em São Paulo foram 39% menores do que a média histórica para o município. Em Goiânia, a queda foi de 42%; em Porto Alegre, de 26%; e em Belo Horizonte, de 19%. Ainda não há dados compilados para todo o país.
Com menos clientes, a entidade pediu à ANP para reduzir o horário mínimo de atendimento dos postos, que era de 7h às 19h, e para decretar o fechamento obrigatório aos domingos. Apenas a primeira solicitação foi acatada.
A decisão foi publicada no Diário Oficial desta segunda, como parte de uma resolução que estabelece medidas para evitar o abastecimento de combustíveis durante a crise –entre elas, a obrigação dos agentes em informar a ANP sobre alteração em rotinas operacionais.
O presidente da Fecombustíveis, Paulo Miranda, disse que o pedido para fechar os postos aos domingos tinha como objetivo reduzir despesas das empresas do setor. “A venda aos domingos já despencou e mesmo assim temos que manter funcionários e pagar hora extra”, alegou.

To Top