Área plantada com milho nos EUA deve ser a maior desde 2012, diz USDA
Agro

Área plantada com milho nos EUA deve ser a maior desde 2012, diz USDA

CHICAGO (Reuters) – Agricultores dos Estados Unidos planejam aumentar a área semeada com milho em 8% nesta primavera (do Hemisfério Norte) para o maior nível em oito anos, superando as expectativas do mercado, disse nesta terça-feira o governo norte-americano.

A estimativa de plantio foi divulgada em um momento em que a demanda pelo grão nos EUA recua devido à menor produção de etanol de milho, diante dos efeitos da pandemia de coronavírus sobre o consumo de combustíveis.

Os contratos futuros do milho negociados em Chicago, que já caminhavam para registrar a maior queda mensal desde agosto, aceleraram as perdas ainda mais depois da divulgação das estimativas.

“Hoje o mercado vai reagir a esse número, mas a mensagem que o mercado está enviando aos produtores é simples: não plantem milho”, disse Craig Turner, corretor de commodities da Daniels Trading em Chicago.

Em seu relatório anual de perspectivas de plantio, baseado em pesquisas realizadas nas primeiras duas semanas de março com cerca de 80 mil produtores, o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA, na sigla em inglês) estimou o plantio de milho em 96,99 milhões de acres, enquanto a área semeada com soja foi projetada em 83,15 milhões de acres.

Analistas esperavam que o relatório mostrasse a intenção de plantio de milho em 94,328 milhões de acres, e a de soja em 84,865 milhões de acres, de acordo com a média das estimativas compiladas em uma pesquisa da Reuters.

O plantio de todas as variedades de trigo foi previsto em 44,655 milhões de acres.

O USDA disse ainda que os estoques de milho em 1º de março figuravam em 7,953 bilhões de bushels, abaixo dos 8,125 bilhões de bushels estimados em pesquisa da Reuters e com queda de 661 milhões de bushels em relação a igual período do ano passado.

Já os estoques de soja foram vistos em 2,253 bilhões de bushels, próximos à estimativa do mercado (2,241 bilhões de bushels), enquanto os de trigo figuravam em 1,412 bilhão de bushels, ante previsão do mercado de 1,432 bilhão de bushels.

(Reportagem adicional de P.J. Huffstutter)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG2U24G-BASEIMAGE

To Top