Zema pede apoio do Exército para desinfectar estações e capacitar defesas civis
Últimas Notícias

Zema pede apoio do Exército para desinfectar estações e capacitar defesas civis

portalmixvaleultimasnoticias1200 (1)

BELO HORIZONTE, MG (FOLHAPRESS) – O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), anunciou nesta terça-feira (31) que pediu apoio do Exército para promover a desinfecção de estações de transporte público com aglomeração, em grandes cidades do estado.
Os militares devem ainda capacitar Defesas Civis municipais pelo estado, ao lado do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil estadual. Zema, um dos dois governadores que não assinaram a carta de chefes de executivo estadual direcionada a Jair Bolsonaro (sem partido), agradeceu ao presidente.
No pronunciamento, ele afirmou ainda que Minas já calcula R$ 7,5 bilhões de queda de arrecadação, devido a paralisação de atividades no estado, e que secretarias pensam em alternativas para atenuar a crise.
A fala do governador, reforçada por secretários, porém, foi em tom de que as coisas não devem mudar tão cedo no estado. Zema avaliou como bem-sucedidas as medidas adotadas até aqui para conter a proliferação da pandemia, citando que o número de internações de pessoas com suspeita de Covid-19 caiu nos últimos cinco dias.
“Isso mostra que estamos no caminho certo, é uma evidência que acertamos na medida e que precisamos manter essa direção. Talvez, tenhamos ganho a primeira batalha, mas ainda temos uma guerra grande pela frente”, disse ele.
O caminho pela frente, diz ele, será guiado pela equipe técnica, baseada em dados de monitoramento diário. A expectativa é que número de testes também aumente nos próximos dias, podendo chegar a 1.800 testes diários, na projeção do governo.
Zema também anunciou aporte de R$ 500 milhões a serem investidos em ações para a saúde. O valor vem de bloqueio judicial da Vale e será antecipado da indenização pelo rompimento da barragem na mina Córrego do Feijão, em Brumadinho. O desastre deixou 259 mortos e 11 desaparecidos.
Nesta terça, Minas confirmou a segunda morte pela Covid-19 no estado. Há 275 casos confirmados e mais de 34 mil casos suspeitos no estado.

To Top