PT aciona Justiça para pedir 'lockdown' contra coronavírus em São Paulo
Últimas Notícias

PT aciona Justiça para pedir 'lockdown' contra coronavírus em São Paulo

portalmixvaleultimasnoticias1200 (1)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O PT entrará nesta sexta-feira (8) com um pedido na Justiça para que seja instituído o “lockdown” (bloqueio total) na cidade de São Paulo e em municípios da região metropolitana.
Segundo argumentam os signatários do pedido de medida cautelar -o vereador Antonio Donato, os deputados estaduais Paulo Fiorilo e José Américo e o deputado federal Carlos Zarattini- , os índices de contaminação pelo novo coronavírus na cidade continuam aumentando mesmo com as medidas restritivas impostas pelo prefeito Bruno Covas e o governador João Doria, ambos do PSDB.
No pedido, os petistas dizem que a adesão ao distanciamento social nessas cidades tornou-se uma “peneira ao sol”, com apenas cerca de 50% de adesão.
Eles afirmam que a Grande São Paulo concentra 10% da população brasileira e corre o risco de se transformar numa tragédia muitas vezes pior do que a de Nova York, onde, segundo argumentam, a recuperação só começou após “duríssimo ‘lockdown'”.
Eles também dizem que as aglomerações e carreatas feitas por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro nas últimas semanas têm agravado o descontrole da doença na capital. “Não se detêm diante de hospitais regulares e de campanha dedicados ao tratamento da doença, ferem a lei e colocam sua pretensa liberdade de expressão -na verdade mensagens de ódio ao Congresso e ao STF, com clamor à edição de atos de exceção- acima do direito à vida”.
Nesta quinta-feira (8), Covas anunciou a implementação de um rodízio de veículos muito mais restrito do que o que havia antes da pandemia do novo coronavírus.
A partir de segunda-feira (11), durante o dia todo e em toda a cidade, não apenas mais no centro expandido, metade dos veículos serão proibidos de circular, em todos os dias da semana, inclusive aos sábados e domingos.
Nos dias pares, poderão circular carros com placa de final par (0, 2, 4, 6, 8). Nos dias ímpares, poderão circular carros com placa de final ímpar (as demais). Na segunda, dia 11, por exemplo, apenas carros com placas com final ímpar poderão circular.
No Maranhão, primeiro estado brasileiro a implementar o chamado “lockdown”, foi a Justiça que determinou a implantação da medida, que foi acatada pelo governador Flávio Dino (PC do B).
Na terça-feira (5), primeiro dia do bloqueio, aproximadamente 90% do comércio de São Luís permaneceu fechado, como relatado pelo Painel, da Folha de S.Paulo.

To Top