CVM abre inquéritos para investigar irregularidades envolvendo IRB Brasil
Brasil

CVM abre inquéritos para investigar irregularidades envolvendo IRB Brasil

SÃO PAULO (Reuters) – A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) informou nesta terça-feira que abriu dois inquéritos para investigar possíveis irregularidades envolvendo a IRB Brasil, que precipitaram forte queda das ações e a saída dos principais executivos da resseguradora neste ano.

Um dos inquéritos tem origem na investigação sobre suposto conflito de interesse envolvendo a Squadra Investimentos com ações da empresa. Uma denúncia da gestora, que tinha posições vendidas em ações do IRB, deu origem a uma sucessão de eventos que já provocaram a queda de cerca de 80% das ações neste ano.

Segundo a CVM, a própria Squadra admitiu publicamente “que mantém investimentos short nas ações”.

O outro inquérito teve origem em um processo aberto pela CVM para apurar suspeitas levantadas pela Squadra, inicialmente de conhecimento restrito e depois tornadas públicas, acerca da conformidade das demonstrações financeiras do IRB.

Este inquérito investigará “suposta disseminação seletiva de informações a investidores e possível propagação de informações inverídicas acerca da composição de seu capital social”.

Em nota, o IRB Brasil afirmou que “continuará prestando ao órgão regulador os esclarecimentos necessários no âmbito das investigações”.

Um representante da Squadra não comentou o assunto de imediato.

(Por Aluísio Alves)

To Top