Em Agosto Bolsa Família pagou mais de 14 milhões de inscritos
Benefícios

Em Agosto Bolsa Família pagou mais de 14 milhões de inscritos

programa bolsa família bpc cadastro único

Bolsa Família paga mais de 14,28 milhões de famílias em agosto. As 14,28 milhões de famílias contempladas pelo Bolsa Família do Governo Federal começam a receber o benefício. Desse universo, 13,6 milhões de famílias (95,2%) recebem a quinta parcela do Auxílio Emergencial e 661 mil famílias permanecem recebendo o valor regular do Programa. A lei determina que o pagamento seja o financeiramente mais vantajoso para o cidadão, entre o Bolsa Família e o Auxílio Emergencial. 

Na divisão regional, o Nordeste é o destaque, com mais de sete milhões de famílias atendidas. Em três estados da região (Bahia, Pernambuco e Ceará), o número de famílias contempladas supera a marca de um milhão

O investimento do Governo Federal referente à folha de pagamento de agosto para as famílias beneficiárias ultrapassa os R$ 15,2 bilhões e os repasses chegam a mais de cinco mil municípios. “O Governo Federal não mede esforços para atender a população mais vulnerável, principalmente neste momento de pandemia, em que as dificuldades financeiras aumentam”, afirma o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

O valor médio de pagamento para as 19,2 milhões de pessoas integrantes do Bolsa Família que recebem o Auxílio Emergencial é de R$ 1.115,56. A transferência dos recursos segue o calendário habitual do Bolsa Família para todos os integrantes do programa, conforme o último número do NIS (Número de Identificação Social) de cada beneficiário.

pagamento_bolsa_familia.jpeg


Na divisão regional, o Nordeste é o destaque, com mais de sete milhões de famílias atendidas. Em três estados da Região (Bahia, Pernambuco e Ceará), o número de famílias contempladas supera a marca de um milhão (confira infográfico abaixo). Além disso, no Maranhão, embora oficialmente sejam 913 mil famílias inscritas, o universo corresponde a mais de 1,3 milhão de pessoas atendidas. A Região Sudeste aparece na sequência, com 3,8 milhões de famílias atendidas, seguida pelas regiões Norte (1,79 milhão), Sul (891 mil) e Centro-Oeste (680 mil). 

Impacto

O Auxílio Emergencial já foi pago a 66,4 milhões de pessoas, em um investimento por parte do Governo Federal superior a R$ 161 bilhões. Quando se leva em conta os integrantes dessas famílias, o benefício impactou 126,2 milhões de cidadãos direta ou indiretamente, o que representa mais da metade da população do país.

Além dos integrantes do Bolsa Família, são elegíveis a receber o Auxílio Emergencial 10,5 milhões de pessoas do grupo do Cadastro Único e outras 37,2 milhões do grupo de trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos, desempregados e contribuintes individuais do INSS que solicitaram o benefício via site ou aplicativo da Caixa.

To Top