Consigo aumentar o valor do INSS de atrasados?

112
carteira do trabalho e dinheiro
carteira do trabalho e dinheiro

Consigo aumentar o valor do INSS de atrasados? Em julho deste ano, o governo modificou o regulamento da Previdência e, entre as alterações, criou uma regra capaz de reduzir o valor dos atrasados de beneficiários que, ao fazerem solicitações ao INSS, deixam de entregar documentos necessários para a análise do pedido de benefício.

São chamados de atrasados os valores correspondentes aos salários devidos pelo INSS ao segurado entre a data do pedido e o depósito do primeiro pagamento.

Pela nova regra, porém, quando o instituto precisa solicitar documentos necessários para a conclusão da análise do pedido, a data de contagem da grana retroativa passa a ser a mesma em que o segurado entregou a documentação complementar solicitada.

Essa mudança da data pode significar uma redução nos atrasados equivalente a meses de benefício, pois o INSS pode levar um longo período para solicitar o cumprimento da exigência (nome do procedimento no qual o órgão pede informações complementares).

A alternativa para evitar esse tipo de prejuízo é apresentar o pedido o mais completo possível, o que também exige que o segurado busque orientação sobre o tipo de benefício que pretende pedir e quais são os documentos necessários.

A necessidade de cumprir uma exigência pode resultar em prejuízo ainda maior se o trabalhador não entregar a documentação.

Segundo a nova regra, o órgão não considera que há obrigação de analisar o direito do segurado que não cumpre uma exigência.

Nesses casos, o pedido de aposentadoria é cancelado e, quando isso ocorre, não há contagem de atrasados. O período de espera é perdido e o segurado precisará apresentar um novo pedido de benefício ao instituto.