Bayern conta com a sorte para conquistar Supercopa da Alemanha, o 5º título do ano

.

MUNIQUE (Reuters) – O Bayern de Munique desperdiçou uma vantagem de dois gols e precisou da sorte de Joshua Kimmich para desempatar aos 37 do segundo tempo e bater o Borussia Dortmund por 3 x 2 na Supercopa da Alemanha nesta quarta-feira, vitória que garantiu ao clube o quinto título do ano. 

Kimmich roubou a bola no meio-de-campo, tabelou com Robert Lewandowski e sua finalização ainda foi bloqueada antes de voltar para o seu próprio e pé e morrer no fundo da rede. 

“Não foi fácil, especialmente no segundo tempo. Nós liderávamos por 2 x 0, e então nós mesmos dificultamos a nossa vida”, disse o técnico do Bayern, Hansi Flick, que assumiu em novembro e desfruta de 10 meses sensacionais no comando. 

“O que conta é que ganhamos o jogo. De resto precisaremos melhorar no domingo (contra o Hertha Berlim)”, acrescentou. 

O Bayern, disposto a se recuperar da derrota surpreendente por 4 x 1 para o Hoffenheim no último domingo, que encerrou a série invicta de 32 partidas, abriu rapidamente 2 x 0 com gols de Corentin Tolisso aos 18 e Thomas Mueller aos 32. 

O Dortmund diminuiu com Julian Brandt e empatou com Erling Haaland já no segundo tempo. O norueguês poderia ainda ter virado o placar, não fosse o goleiro Neuer, mas Kimmich garantiu a vitória ao Bayern no final.

A equipe da Baviera também conquistou o campeonato e a copa alemães, a Liga dos Campeões, e a Supercopa da Europa em 2020. 

(Reportagem de Karolos Grohmann)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG8T2P9-BASEIMAGE