Plantio de soja 2020/21 do Paraná avança 8 pontos na semana, mas segue atrasado

.

SÃO PAULO (Reuters) – O plantio de soja da safra 2020/21 no Paraná atingiu nesta semana 16% da área esperada, disse nesta terça-feira o Departamento de Economia Rural do Estado (Deral), indicando um avanço de oito pontos percentuais em relação à semana anterior.

Apesar disso, o ritmo da semeadura da oleaginosa no Estado segue muito abaixo do verificado nos anos anteriores, mantendo o maior atraso em pelo menos cinco anos, diante do impactado recente da escassez de chuvas na região.

Em igual período do ano passado, o plantio de soja no Paraná –segundo maior produtor da oleaginosa no país, atrás apenas de Mato Grosso– atingia 22% da área projetada, segundo os dados do Deral.

Em projeção divulgada no final de setembro, o Deral estimou a safra de soja 2020/21 do Estado em 20,4 milhões de toneladas, queda de 1% em relação ao volume colhido no ano anterior.

O atraso na semeadura da soja afeta também o cultivo da segunda safra de milho, principal do cereal no Brasil, cujo plantio ocorre logo após a colheita da oleaginosa.

Em relação à primeira safra de milho, o plantio no Paraná avançou para 78% da área projetada nesta semana, ante 65% na semana anterior, indicou o Deral.

(Por Gabriel Araujo)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG9C1VQ-BASEIMAGE