Presidente do STJ prestigia comemoração dos 70 anos do Tribunal de Contas do Amazonas

​O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, participou nesta quarta-feira (14) da solenidade de comemoração do aniversário de 70 anos do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM). Em discurso por videoconferência, o presidente do STJ destacou a excelência dos serviços prestados à sociedade pela corte de contas amazonense ao longo das sete décadas de funcionamento.

“A corte de contas do Amazonas tem papel fundamental no zelo da coisa pública, na medida em que representa os olhos da coletividade no bem cumprir os parâmetros de responsabilidade fiscal, de controle e das regras gerais de licitações e contratações, sobretudo tendo como baliza a preservação da nossa Amazônia”, afirmou Humberto Martins.

O ministro também rendeu homenagens ao presidente do TCE-AM, conselheiro Mario de Mello, a quem parabenizou pelo “árduo trabalho realizado nesses tempos de pandemia”, garantindo “transparência e eficiência na correta aplicação do dinheiro público”.

Virt​​​​ualização

Em meio à pandemia da Covid-19, o TCE-AM passou a realizar todas as atividades de maneira virtual. Desde a suspensão do funcionamento presencial, em 20 de março, o tribunal de contas estadual promoveu 37 eventos on-line, entre julgamentos, simpósios e conferências.

“A corte de contas do Amazonas foi criada, extinta, recriada e, em 2020, se reinventou ao suspender as atividades e desenhar, projetar e executar o trabalho 100% em home office, em tempo recorde. Uma conduta histórica no enfrentamento ao novo coronavírus. Os desafios foram muitos, mas soubemos superá-los para construir um tribunal que sempre deu respostas aos anseios da sociedade em prol da proteção do patrimônio público”, disse o presidente do TCE-AM, conselheiro Mario de Mello.

Com informações da Diretoria de Comunicação Social do TCE-AM