Pela primeira vez, Curitiba terá uma vereadora negra
Últimas Notícias

Pela primeira vez, Curitiba terá uma vereadora negra

CURITIBA, PR (FOLHAPRESS) – Curitiba terá pela primeira vez uma mulher negra na Câmara Municipal a partir de 2021. A escolhida foi a professora da rede pública Carol Dartora (PT).

Com pouco mais de 95% das urnas apuradas neste domingo (15), ela está no terceiro lugar geral e deve ajudar o PT a eleger ao menos mais dois vereadores na capital paranaense –hoje, o partido tem apenas uma cadeira.

“Uma cidade que rejeita sua negritude agora irá escurecer sua Câmara”, escreveu a petista no Twitter. Doutora em Educação, ela se descreve como feminista e militante de causas populares.

Pela primeira vez também, uma mulher é, até então, a candidata mais votada para a Câmara de Curitiba. A auditora contábil Indiara Barbosa também deve ajudar seu partido, o Novo, a conquistar ao menos mais uma cadeira na Casa Legislativa.

Seguindo o posicionamento da legenda, Indiara não usou dinheiro pública para financiar a campanha. Os gastos foram cobertos por arrecadação via vaquinha eletrônica ou doações em conta bancária.

“São pessoas que me ajudaram a representar os ideais do partido, a nova política. Esse é meu grande objetivo: uma nova política. E que venham mais pessoas que tenham esse mesmo objetivo de melhorar a cidade e o país por meio da política”, disse.

Curitiba teve recorde de candidaturas femininas em 2020 na eleição majoritária. A melhor colocada entre as seis mulheres foi a deputada federal Christiane Yared (PL), que aparece em quinto lugar no pleito, com quase 4% dos votos.

To Top