Diniz exalta sintonia com a torcida do São Paulo: 'Momento especial'
Esporte

Diniz exalta sintonia com a torcida do São Paulo: ‘Momento especial’

Em pouco mais de um mês, o técnico Fernando Diniz viu seu moral crescer com os torcedores do São Paulo. Se antes o treinador era bastante criticado, principalmente por causa das eliminações precoces no Paulistão e Libertadores, agora ele é festejado pela torcida. Após a vitória por 3 a 0 sobre o Flamengo, que garantiu a classificação para a semifinal da Copa do Brasil, ele comemorou o bom momento da equipe e a “sintonia” com a torcida.

Centenas de torcedores foram ao Morumbi para apoiar a equipe durante a partida contra o Flamengo. Embora estivessem proibidos de entrar no estádio em razão da pandemia do coronavírus, eles fizeram bastante festa na chegada do ônibus e no decorrer do jogo desta quarta-feira. O apoio já havia sido visto no embarque do elenco ao Rio de Janeiro para o duelo de ida na semana passada.

“É um momento muito especial, todo mundo quer ter o nome gritado de maneira positiva pela torcida, isso mexe com a gente positivamente. Tivemos momentos de críticas e eu sempre soube respeitar o torcedor, que está ali para torcer. A gente que tem de trabalhar para entregar o que o torcedor quer. Quando consegue entregar isso e cria essa sintonia, é uma coisa que fica muito forte. Assim como foi contra a LDU (na Libertadores, antes da pandemia), quando fazem essa festa, os jogadores se sentem acolhidos. É importante, bonito e agradecemos muito. Ficamos satisfeito de poder entregar as vitórias para eles, vamos fazer o máximo e trabalhar muito para que os títulos aconteçam para os torcedores comemorarem novamente”, afirmou Diniz.

O treinador vive seu melhor momento no São Paulo. Contratado em setembro do ano passado, é a primeira vez que ele não tem sido criticado pela torcida. Pela internet, inclusive, torcedores mandaram apoio com a hashtag #FechadoComDiniz.

“No São Paulo precisa trabalhar sob pressão e fomos bem. O mérito maior foi nos unir, aprofundar as relações, saber o que queríamos para chegar a esse bom momento. Fato que vai diminuir essa pressão externa, mas temos que seguir trabalhando como foi até aqui. Melhorar o time, temos um grande rival no domingo (Vasco, pelo Brasileirão) e melhorar para que a gente consiga seguir bem nas duas competições”, disse o treinador.

Na semifinal da Copa do Brasil, o São Paulo agora volta a focar na disputa do Brasileirão. O time está em terceiro lugar no campeonato, mas com três jogos a menos do que Internacional e Atlético-MG, os dois primeiros colocados. A partida contra o Vasco será no domingo, às 16 horas, no Morumbi, pela 22ª rodada.

To Top