Soja recua em Chicago com realização de lucros; milho sobe, trigo cai
Agro

Soja recua em Chicago com realização de lucros; milho sobe, trigo cai

Soja recua em Chicago com realização de lucros; milho sobe, trigo cai

Por Mark Weinraub

CHICAGO (Reuters) – Os contratos futuros da soja negociados em Chicago recuaram nesta quarta-feira, pressionados por uma rodada de realização de lucros após se aproximarem de máximas de quatro anos e meio, disseram operadores.

Os futuros do milho se firmaram em meio a compras técnicas, enquanto o trigo terminou a sessão em queda.

Preocupações relacionadas às condições de seca em importantes áreas produtoras de milho e soja na América do Sul, o que poderia limitar as safras locais, têm dado suporte ao mercado, com a firme demanda pressionando os estoques globais.

O contrato janeiro da soja fechou em queda de 0,50 centavo de dólar, a 11,8375 dólares por bushel, após atingir uma máxima de 11,95 dólares na sessão.

A oleaginosa, que avançou em quatro das últimas cinco sessões, vinha de três dias seguidos de altas.

“O fator-chave para os mercados de grãos pelos próximos dois ou três meses será o clima na América do Sul”, disse Sebastien Poncelet, da consultoria Agritel. “Por enquanto, não dá para dizer com certeza se a colheita será boa ou ruim.”

O milho para março subiu 2,50 centavos, para 4,27 dólares o bushel, enquanto o vencimento março do trigo recuou 1,25 centavo, a 5,9850 dólares/bushel.

(Reportagem de Mark Weinbraub; reportagem adicional de Gus Trompiz, em Paris, e Colin Packham, em Sydney)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEGBF1LQ-BASEIMAGE

To Top