Chefe da OMS se diz "muito decepcionado" por China não autorizar entrada de especialistas em coronavírus
Africa

Chefe da OMS se diz “muito decepcionado” por China não autorizar entrada de especialistas em coronavírus

ZURIQUE (Reuters) – O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, está “muito decepcionado” pela China ainda não ter autorizado a entrada no país de uma equipe de especialistas internacionais para analisar as origens do coronavírus.

“Hoje soubemos que as autoridades chinesas ainda não finalizaram as permissões necessárias para a chegada da equipe na China”, disse Tedros em entrevista coletiva em Genebra.

“Tenho mantido contato com altas autoridades chinesas e, mais uma vez, deixei claro que a missão é uma prioridade para a OMS”, acrescentou ele aos jornalistas.

(Reportagem de John Revill)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH0417J-BASEIMAGE

To Top