Casa Mário de Andrade e da Casa Guilherme de Almeida iniciam ano com cursos de férias
São Paulo

Casa Mário de Andrade e da Casa Guilherme de Almeida iniciam ano com cursos de férias

portalmixvalenoticias-1280x728-1

A Casa Mário de Andrade e a Casa Guilherme de Almeida, integrantes da Rede de Museus-Casas Literários da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e gerenciada pela Poiesis, estão com inscrições abertas para os cursos de férias pelos respectivos sites das instituições. Os encontros ocorrem em plataformas digitais e são gratuitos.

Nos dias 14, 21 e 28 de janeiro, das 19h às 21h, a Casa Mário de Andrade recebe Fifo Lazarini, publicitário pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, mestre em Semiótica pela PUC-SP e escritor dedicado a projetos de Games inspirados em obras literárias. O curso, pelo Google Meet, apresenta as principais etapas para o desenvolvimento de jogos digitais voltados à literatura e um panorama atual, inclusive o que é feito em outros países, de iniciativas que buscam contribuir para a formação de mais leitores por ambientes virtuais.

Além disso, Lazarini irá mostrar alguns fundamentos presentes em seu primeiro game chamado Os Andrades 1 (2021), com foco no personagem Mário de Andrade, ao qual deverão se suceder outros com os personagens Oswald de Andrade e Carlos Drummond de Andrade. A inscrição está aberta aqui.

Na Casa Guilherme de Almeida o público encontra cursos voltados ao cinema e teatro. O curso Diretores de Vanguarda do Cinema tem como coordenador o Franthiesco Ballerini, jornalista, mestre e doutor em Comunicação Social, autor dos livros o Cinema Brasileiro no Século 21 (2012) e História do cinema mundial (2019). Dividido em dois módulos, o curso analisa trabalhos de grandes diretores, de diferentes culturas e épocas, a fim de facilitar a compreensão e apreciação do fazer cinema, como arte e como comercial. As aulas são disponibilizadas pela plataforma Zoom.

Entre os dias 18 e 21 de janeiro, das 19h às 21h, o módulo I traz a Linguagem Clássica: Stanley Kubrick e Alfred Hitchcock; Ásia Autoral: Akira Kurosawa e Wong Kar Wai; Rússia formalista: Sergei Eisenstein e Andrei Tarkoviski; e Comédia Sofisticada: Woody Allen e Irmãos Coen. Para se inscrever, acesse: https://bit.ly/2KT35DI. O módulo II está marcado no período de 26, 27 e 28 de janeiro e 1º de fevereiro, das 19h às 21h, com as aulas Cinema Brasileiro: Glauber Rocha e Walter Salles; França intimista: Jean-Luc Godard e Claire Denis; Itália subversiva: Pier Paolo Pasolini e Ettore Scola; Países Nórdicos: Ingmar Bergman e Lars Von Trier. As inscrições estão disponíveis aqui.

O curso A história do teatro negro brasileiro: memória e ativismo está programado para fevereiro, nos dias 2, 4, 9 e 11, das 19h às 21h, também pelo Zoom. Sidney Santiago Kuanza está à frente das aulas sobre as trajetórias de protagonistas do teatro negro no país, com leituras de dramaturgias, pesquisa fotográfica, relatos históricos, depoimentos e trechos de material audiovisual. Inscrições aqui.

Kuanza é ator formado pela EAD/ECA-USP, diretor, dramaturgo, apresentador e co-fundador da Cia Os Crespos. Ele atuou em novelas como “Caminho das Índias” (TV Globo), na série “A Vida secreta dos casais” (HBO), integrou cerca de 17 longas metragens, entre eles, “Os 12 trabalhos” de Ricardo Elias, “Mundo Deserto de Almas Negras” de Ruy Veridiano, e “Sequestro Relâmpago” de Tata Amaral, além de ter trabalhado no teatro com Frank Castorf, Cibele Forjaz, Rodrigo França, Marcelo Lazzaratto e outros diretores.

E mais…

A Casa Guilherme de Almeida ainda traz atividades online do Núcleo de Ação Educativa do museu-casa literário. Não há necessidade de inscrição prévia para a programação descrita a seguir.

A série Mulheres do acervo conta com dois encontros às 16h30. No dia 15 de janeiro, no YouTube (https://www.youtube.com/channel/UCpkUtBXN2B-A4Oxjc7imltQ) e página de Facebook (https://www.facebook.com/museucasaguilhermedealmeida/), Ana Lídia Teberga, licenciada em História Centro Universitário Salesiano de São Paulo, técnica em Museologia pela Etec Parque da Juventude e uma das educadoras do museu, mostra obras de Noemia Mourão, desenhista e cenógrafa, com destaque para o retrato que a artista fez de Baby de Almeida, esposa de Guilherme de Almeida.

Em 22 de janeiro, no instagram (https://www.instagram.com/casaguilhermedealmeida/), é a vez da educadora Maryangela Barbieri, graduada em História pela UNESP, de apresentar os trabalhos chamados objetos esdrúxulos, os quais não são encontrados com facilidade em nosso cotidiano e que compõem o acervo da casa-museu. Esses objetos apontam para diversas mudanças, tanto dos modos de morar, quanto de costumes e práticas sociais ao longo das últimas décadas que acentuam a curiosidade dos visitantes.

Simone Homem de Mello será entrevistada no dia 29 de janeiro, às 16h30, pelo Núcleo de Ação Educativa a respeito do Centro de Estudos de Tradução Literária que ela coordena há 10 anos na Casa, um espaço dedicado ao desenvolvimento de cursos e oficinas para profissionais e demais interessados em traduções de obras da literatura, e que valoriza o relevante papel de tradutor de Guilherme de Almeida.

Simone é escritora e tradutora literária. Escreveu libretti para as óperas Orpheus Kristall (Munique, 2002), Keine Stille außer der des Windes (Bremen, 2007), UBU – eine musikalische Groteske (Gelsenkirchen, 2012). Tem poemas em português reunidos nos livros Périplos, Extravio Marinho, Terminal, à Escrita e em antologias brasileiras e estrangeiras de poesia contemporânea. Como tradutora, dedica-se especialmente à poesia moderna e contemporânea de língua alemã e à obra do escritor austríaco Peter Handke. Suas mais recentes publicações são Augusto de Campos – Poesie (organização e tradução para o alemão, 2019), Haroldo de Campos Tradutor e Traduzido (coorganização, 2019), Editando o Editor – Guilherme Mansur (2018) e Histórias em Imagens e Versos – Wilhelm Busch traduzido por Guilherme de Almeida (2017).

O post Casa Mário de Andrade e da Casa Guilherme de Almeida iniciam ano com cursos de férias apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.

To Top