Alemanha volta a detectar peste suína africana em javalis; casos chegam a 480
Agro

Alemanha volta a detectar peste suína africana em javalis; casos chegam a 480

HAMBURGO (Reuters) – O número de casos de peste suína africana (PSA) detectados em javalis selvagens na Alemanha atingiu 480, informou o Ministério da Agricultura do país nesta sexta-feira, indicando que prossegue o surto da doença entre animais selvagens, fator que interrompeu as exportações alemãs de carne suína para a China.

Os casos ocorreram desde o primeiro surto, em setembro de 2020, e foram localizados nos Estados de Brandemburgo e Saxônia, no leste do país, ao redor das áreas das descobertas anteriores, disse o ministério.

No entanto, há um novo caso suspeito em um javali na região de Potsdam, perto de Berlim, acrescentou a pasta. Nenhuma fazenda produtora de suínos foi afetada.

China, Coreia do Sul e Japão proibiram importações de carne suína da Alemanha em setembro de 2020, depois da detecção da PSA. A doença não afeta humanos, mas é fatal para os porcos.

A ministra da Agricultura alemã, Julia Kloeckner, apelou que os produtores evitem que seus animais tenham contato com javalis selvagens e garantam que os animais selvagens não atinjam os alimentos oferecidos aos porcos das fazendas.

(Reportagem de Michael Hogan)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH071AE-BASEIMAGE

To Top