Aposentadoria do INSS tem novas regras para os beneficiários
Benefícios

Aposentadoria do INSS tem novas regras para os beneficiários

revisão inss

Aposentadoria do INSS tem novas regras para os beneficiários. O ano de 2020 foi de adaptação às novas regras da Reforma da Previdência e agora que muitos segurados estavam se acostumando com as regras, 2021 traz mais novidades para os segurados do INSS.

Pensando nisso, selecionamos 03 dicas essenciais para que os segurados possam começar 2021 preparados para solicitar a aposentadoria!

  1. Fique atento às regras progressivas do INSS

A Reforma da previdência trouxe regras de transição para os segurados que já contribuíam para o INSS. Algumas dessas regras são progressivas, ou seja, a cada ano elas sofrem um reajuste até chegar ao seu limite.

Por isso, o segurado precisa ficar atento às regras para evitar equívocos na hora de pedir o benefício.

Vamos citar quais são essas regras progressivas e o que está valendo para 2021!

Aposentadoria por Idade do INSS

Homem: 15 Anos de Contribuição + 65 Anos de Idade

Mulher: 15 Anos de Contribuição + 61 Anos de Idade

Para a Mulher deve ser acrescentado 6 meses de idade por ano até completar 62 anos de idade.

Aposentadoria por Tempo de Contribuição

Regra dos Pontos

Homem: 35 Anos de Contribuição + 98 Pontos

Mulher: 30 Anos de Contribuição + 88 Pontos

Acrescenta-se 1 ponto por ano até que se completem 105 pontos para os Homens e 100 para as Mulheres.

Regra da Idade Progressiva do INSS

Homem: 35 Anos de Contribuição + 62 Anos de Idade

Mulher: 30 Anos de Contribuição + 57 Anos de Idade

Para a Mulher deve ser acrescentado 6 meses de idade por ano até completar 62 anos de idade.

Para o Homem deve ser acrescentado 6 meses de idade por ano até completar 65 anos de idade.

Aposentadoria dos Professores

Regra da idade mínima:

Homem: 57 Anos de Idade + 30 Anos de Contribuição

Mulher: 52 Anos Idade + 25 Anos de Contribuição

Acrescentam-se 06 meses de idade até completar 60 anos de idade para os homens e 57 anos de idade para as mulheres.

Regra dos pontos:

Homem: 30 Anos de Contribuição + 83 pontos

Mulher: 25 Anos de Contribuição + 93 pontos

Por ano deve ser acrescentado 1 ponto até atingir o limite de 92 pontos para mulher e 100 pontos para o homem.

Regra dos Professores Servidores Públicos Federais:

Homem: 30 Anos de Contribuição + 56 Anos de Idade com 93 pontos

Mulher: 25 Anos de Contribuição + 51 Anos de Idade com 83 pontos

Por ano deve ser acrescentado 1 ponto até atingir o limite de 92 pontos para mulher e 100 pontos para o homem.

Além disso, no ano de 2022 a idade mínima sobe para 57 Anos para os Homens e 52 para as Mulheres.

Site Meu INSS
Site Meu INSS
  1. Saiba o quanto vale o seu benefício

Outro ponto que o segurado precisa ficar de olho na hora de se aposentar são as regras de pagamento do benefício.

As mudanças foram drásticas, portanto, o segurado que não se atenta às novas regras pode ter uma surpresa quando receber o benefício.

O salário de benefício, que é a base para o cálculo da maioria das aposentadorias, sofreu alteração na sua forma de cálculo.

Antes o cálculo consistia na média dos 80% maiores salários de contribuição desde julho de 1994 até o último anterior ao requerimento do benefício.

Agora o cálculo é feito com base na média aritmética de 100% dos salários de contribuição desde julho de 1994 até o último anterior à solicitação.

O valor do benefício varia de acordo com a regra, mas a regra geral consiste no valor equivalente a 60% do salário de benefício + 2% para cada ano de contribuição a partir do 21º ano de contribuição.

  1. Planejamento Previdenciário do INSS

Se aposentar, hoje em dia, se tornou uma tarefa difícil. Muitos documentos, muitas regras, cálculos complexos e no meio de tudo isso muitos segurados acabam prejudicados por desconhecer seus direitos.

Pensando nisso, foi criado o serviço de Planejamento Previdenciário. Ele é um pacote com todos os serviços necessários para facilitar e otimizar a aposentadoria do segurado, para que ele não tenha dor de cabeça e garanta a aplicação dos seus direitos.

Através do planejamento será feita a análise do tempo de contribuição, cálculo previdenciário para identificar qual a melhor regra de aposentadoria para o segurado, auxílio sobre quais são os documentos necessários e como obtê-los, além do apoio para entrar com o pedido de aposentadoria.

Esses são apenas alguns pontos desse serviço que traz a solução completa para que o segurado se aposente garantindo seus direitos.

Este artigo foi redigido por Laura Elisa Fernandes Porto Costa, OAB/MG 172.171.

To Top