Fotógrafos relatam ameaças após fazerem imagens de Mel Maia; atriz rebate
Últimas Notícias

Fotógrafos relatam ameaças após fazerem imagens de Mel Maia; atriz rebate

portalmixvalenoticias-1280x728-1

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Mel Maia, 16, tirou a tarde para aproveitar a praia da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio. A atriz foi fotografada por paparazzi ao lado da mãe, Débora, e de amigos na areia e no mar, mas o passeio terminou em confusão.

De acordo com Delson Silva, da agência de fotos de celebridades AgNews, ele e o irmão, Dilson, foram perseguidos pelos amigos da atriz, que os chamaram de “pedófilos” e ameaçaram agredi-los fisicamente.

Inicialmente, eles estavam juntos: Dilson fazia as fotos enquanto Delson editava e mandava as imagens para os assinantes, entre os quais a Folha de S. Paulo. Como a pauta estava demorando, Delson saiu.

Foi quando o irmão teria sido perseguido e se refugiado no hotel Windsor, que fica nas proximidades, de onde ligou pedindo para o irmão ir socorrê-lo. Ao chegar no local, Delson disse ter visto o grupo de mais de sete garotos, a maioria menores de idade, ameaçando o irmão.

“Eles ameaçaram de nos agredir fisicamente, disseram que iam quebrar nossos dentes”, afirmou ao F5. “Diziam que a gente ia ter que apagar as fotos e que nós éramos pedófilos.”

Com a ajuda dos seguranças do hotel e de policiais, os dois conseguiram sair do local no carro de Delson, que levou uma pancada no retrovisor. Eles não registraram boletim de ocorrência, segundo ele, porque não tinham nenhum dado dos supostos agressores.

Por sua vez, Mel deu uma versão diferente para o que teria ocorrido. “Meu dia aqui na praia acabou de ser estragado por uma acusação sem fundamento nenhum”, disse nas redes sociais. “Isso que vocês estão falando é um absurdo.”

“Esse paparazzi estava aqui na praia tirando foto minha desde que eu cheguei e ele não foi embora”, afirmou. “Quando eu reparei que ele estava tirando foto minha, eu fiz pose, mandei beijo, ele mandou beijo de volta, fiz coração e saiu.”

“Eu sei que tem muita gente que acha que meu corpo é perfeito, que meu corpo é lindo, mas eu sou uma adolescente de 16 anos e eu também tenho problema de autoestima, problemas com meu corpo e já estava me incomodando”, contou. “Mesmo assim, eu não fiz nada, meus amigos não fizeram nada, a gente entrou na água.”

Ela diz que ficou incomodada com o tempo que passou sendo alvo das câmeras. “Teve uma hora que eu pedi por favor para ele parar de tirar foto. Juntei as duas mãos e fiz sinal de não, até estava dentro d’água nessa hora com os meus amigos”, comentou. “Ele continuou apontando a câmera pra mim e fiquei muito desconfortável.”

Foi quando a mãe dela teria sugerido que a atriz fosse até o fotógrafo e perguntasse se ele queria fazer imagens posadas dela. Ela pediu para um dos amigos, que ela identificou apenas como Gabriel, para ir lá dar essa ideia para o profissional.

Segundo Gabriel, quando o viu se aproximando, Dilson teria saído correndo. “Ele começou a correr do nada e foi até o quiosque, eu fui atrás dele”, contou. “Aí ele jogou a mochila no chão e disse: ‘Vem pra mão, que agora eu vou te pegar’. Falei: ‘Mano, não quero brigar com você, quero conversar com você’. Mas ele pegou a mochila e saiu correndo pro hotel.”

“Ele se aproveitou da situação para dizer que eu mandei sete amigos meus espancarem ele”, afirmou Mel. Ela também reclamou de algumas publicações que falavam que o fotógrafo foi de fato agredido fisicamente. “Isso é uma calúnia.”

“Sempre tem fofoca com o meu nome, as pessoas costumam distorcer o que eu falo”, avaliou. “E hoje foi uma coisa muito séria. Eu raramente boto minha cara aqui para falar sobre algum assunto, eu simplesmente tento ignorar, ou peço desculpas por alguma coisa que eu fiz. [Mas] vocês não têm noção de como uma notícia sem fundamento dessas me prejudica, prejudica o meu psicológico.”

To Top