Schalke goleia, encerra jejum de quase um ano e evita pior sequência da história
Esporte

Schalke goleia, encerra jejum de quase um ano e evita pior sequência da história

portalmixvalenoticias-1280x728-1

Neste sábado, a surpresa da 15ª rodada do Campeonato Alemão veio com o incrível resultado do, agora vice-lanterna, Schalke 04, que cresceu perante o Hoffenheim, goleou por 4 a 0, e encerrou um jejum de vitórias que durou quase um ano. Assim, evitou amargar a pior sequência da história da competição.

O Schalke completaria um ano sem triunfar no dia 17 de janeiro, mas conseguiu impedir a marca negativa. Para isso, contou com boa exibição do atacante Matthew Hoppe para trazer a vitória para casa ao anotar três vezes. Coube ao meio-campista Amine Harit fechar o resultado.

Se não conquistasse os três pontos, o Schalke alcançaria a maior sequência sem vitórias de uma equipe na história do futebol alemão. O detentor da marca negativa é o Tasmania Berlim, que em 1966 amargou um jejum de 31 partidas.

A equipe da cidade de Gelsenkirchen vive um dos piores momentos de sua história, com uma sequência de 30 partidas sem vitórias, divididas entre 10 empates e 20 derrotas. O calvário de um dos times mais populares da Alemanha, que há exato um ano estava entre os líderes da Bundesliga, tem ligação direta com as dificuldades financeiras que enfrenta.

Apesar de contar com um produtivo celeiro de atletas, de onde saíram nomes como Mesut Ôzil, um dos carrascos do Brasil no inesquecível 7×1 e hoje no Arsenal, e Julian Draxler (PSG), a equipe entrou na pandemia já com uma dívida de mais de 200 milhões de euros, com risco de falência nos últimos meses e sem capacidade de honrar seus compromissos financeiros.

Diante desse cenário, não é difícil entender a má fase pela impossibilidade atual de manter um time competitivo ou, pelo menos, um técnico, uma vez que Christian Gross foi o quarto escolhido em 2020. A expectativa é que essa vitória possa marcar a reação do Schalke, agora na penúltima colocação da liga alemã, com sete pontos, para evitar o rebaixamento após 30 anos consecutivos na primeira divisão. Com o resultado, o Hoffenheim desceu à 14ª posição, com 15 pontos.

Já nas primeiras posições da tabela, o Bayer Leverkusen desperdiçou a chance de assumir a vice-liderança do Campeonato Alemão ao empatar com o Werder Bremen por 1 a 1, em casa. A equipe do técnico Peter Bosz criou chances durante a partida, porém, apenas aos 25 da segunda etapa conseguiu marcar.

Com o empate, o Leverkusen vai a 29 pontos, permanecendo em terceiro lugar na tabela, e o Werder Bremen sobe para a 13ª posição, contando agora com 15 pontos.

No confronto entre Freiburg e Colônia, no estádio Schwarwald, os donos da casa garantiram uma goleada por 5 a 0. O resultado mantém o Colônia muito próximo da zona de rebaixamento, na 15ª posição, contando com 11 pontos e alça o Freiburg ao oitavo lugar da tabela, com 23 pontos.

Ainda neste sábado, o Mainz 05 perdeu em casa para o Frankfurt, por 2 a 0 e, tendo vencido apenas uma vez na temporada 2020/21 do Campeonato Alemão, agora amarga a lanterna, com seis pontos. O Frankfurt, com 23 pontos, fica em nono lugar.

Após empate quente com o Wolfsburg, com dois gols para cada lado, o Union Berlin garantiu, provisoriamente, a quarta posição na tabela da Bundesliga, com 25 pontos, mesma pontuação do adversário derrotado, mas que aparece atrás por ter saldo de gol inferior. Para se manter no posto, o time da capital terá de torcer por um revés do Borussia Dortmund diante do RB Leipzig. O duelo será neste sábado.

To Top