Ibovespa avança com aval de Wall St em dia cheio de balanços no Brasil
Business

Ibovespa avança com aval de Wall St em dia cheio de balanços no Brasil

Ibovespa avança com aval de Wall St em dia cheio de balanços no Brasil

O Ibovespa avançava nesta sexta-feira, confirmando a primeira alta semanal em um mês, ainda em meio a um certo alívio no cenário para o quadro fiscal do país, mas também dados melhores do que o esperado sobre o mercado de trabalho dos Estados Unidos.

Às 11:24, o Ibovespa subia 1,42%, a 114.285,07 pontos, com uma bateria de resultados corporativos também sob os holofotes. O volume financeiro somava 8,9 bilhões de reais.

Na semana, o Ibovespa valoriza-se 3,9%, em parte apoiado no texto da PEC Emergencial aprovado pelo Senado, que descartou os piores cenários do ponto de vista fiscal, embora sem oferecer soluções de curto de prazo para compensar gastos com a pandemia.

A PEC Emergencial, porém, corrobora alguma previsibilidade às contas públicas ao fixar um teto para as despesas com o auxílio emergencial. O texto deve ser analisada na Câmara dos Deputados na próxima semana.

Para o economista-chefe da Infinity, Jason Vieira, a PEC tem seus defeitos, mas é positiva porque não chancela o rompimento do tetos dos gastos, nem desvincula despesas pesadas, de forma a dar um ‘passe livre’ de gastos do governo em alguns setores.

A agenda brasileira ainda mostrou nesta sexta-feira que a indústria nacional começou 2021 com alta pelo nono mês seguido em janeiro, embora em desaceleração, sofrendo o impacto do agravamento da pandemia.

Nos Estados Unidos, foram criados no mês passado 379 mil vagas de trabalho fora do setor agrícola, bem acima dos 182 mil esperados por analistas e após um ganho de 166 mil em janeiro, disse o Departamento do Trabalho norte-americano.

Futuros acionários norte-americanos sinalizavam uma abertura positiva em Wall Street, uma vez que os dados do ‘payroll’ endossaram apostas de uma recuperação econômica conduzida por estímulos fiscais expressivos e vacinação contra a Covid-19.

DESTAQUES

– BRADESCO PN tinha alta de 5,14%, com bancos mais uma vez entre os principais suportes. ITAÚ UNIBANCO PN valorizava-se 3,9% e SANTANDER BRASIL UNIT subia 3,54%. Mesmo com ruídos sobre troca do comando, BANCO DO BRASIL ON ganhava 2,86%.

– PETROBRAS PN mostrava elevação de 3,83%, dando continuidade à recuperação nesta semana, após forte volatilidade e perdas em fevereiro em meio a percepção de aumento de risco político envolvendo a petrolífera estatal. A reação encontrava respaldo nos ganhos do petróleo no exterior.

– VALE ON registrava acréscimo de 1,88%, também beneficiada pelo clima mais positivo na bolsa paulista, apesar da queda dos contratos futuros do minério de ferro e do aço na China.

– NATURA&CO ON saltava 6,75%, após lucro líquido consolidado de 175,7 milhões de reais para quarto trimestre, revertendo resultado negativo de um ano antes. A receita líquida cresceu 24,3% e as vendas digitais totais do grupo saltaram 79% no trimestre.

– PETRORIO ON avançava 4,62%, tendo de pano de fundo a alta do petróleo no exterior e anúncio na véspera de que assinou contrato com a francesa Total para a aquisição da participação de 28,6% no bloco BM-C-30, que abriga o campo de Wahoo, na Bacia de Campos.

– LOJAS AMERICANAS PN caía 3,83%, após lucro quase estável no quarto trimestre, com queda na receita e no desempenho operacional medido pelo Ebitda. B2W ON, controlada pela Lojas Americanas, cedia 2,26%, apesar de salto nas principais linhas do resultado.

– MRV ON subia apenas 0,36%, mesmo após divulgar crescimento do lucro no quarto trimestre, uma vez que suas vendas seguiram refletindo o salto do financiamento imobiliário no país, com o juro em mínimas recordes.

– IGUATEMI ON tinha elevação de 2,89%, em meio a uma recuperação parcial no quarto trimestre na base sequencial, com afrouxamento das medidas de isolamento social, embora ainda tenha mostrado queda no lucro e vendas ano a ano.

– CCR ON valorizava-se 0,86%, uma vez que registrou no quarto trimestre crescimento do tráfego nas rodovias que administra pela primeira vez desde o início da pandemia, embora tenha fechado o período com prejuízo.

– B3 ON subia 1,4%, diante do salto do lucro de outubro a dezembro para 1,097 bilhão de reais. A única operadora de infraestrutura de mercado financeiro no país também anunciou recompra e proposta de desdobramento de ações.

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH2418G-BASEIMAGE

To Top