Em dia de recorde de mortes, Bolsonaro diz que resolve "problema do vírus" se pagar imprensa
Brasil

Em dia de recorde de mortes, Bolsonaro diz que resolve “problema do vírus” se pagar imprensa

Em dia de recorde de mortes, Bolsonaro diz que resolve "problema do vírus" se pagar imprensa

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira a apoiadores que resolveria o “problema do vírus” rapidamente caso seu governo aumentasse as despesas com verbas de publicidade a veículos de comunicação, no dia em que o Brasil registrou mais um recorde de mortes por Covid-19, com 4.195 óbitos registrados nas últimas 24 horas.

Na conversa transmitida por redes sociais, um apoiador comenta que não se entendeu que é preciso unir o país para atacar o inimigo comum, e o presidente emenda, com críticas à cobertura jornalística: “Não, é jogo de poder, se vai morrer mais gente não interessa não”, disse.

“Eu resolvo o problema do vírus em poucos minutos, é só pagar o que os governos pagavam no passado de verba de imprensa”, acrescentou.

Segundo Bolsonaro, em outros países do mundo o “pessoal quer destruir o vírus, aqui quer destruir o presidente”.

O presidente também criticou novamente as medidas de restrição de circulação de pessoas decretadas por diversos Estados para tentar conter o avanço da Covid-19, no pior momento da pandemia no país.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH3600N-BASEIMAGE

To Top