Colheita de soja no RS avança 12 pontos na semana, mas segue atrasada; milho vai a 75%
Agro

Colheita de soja no RS avança 12 pontos na semana, mas segue atrasada; milho vai a 75%

Colheita de soja no RS avança 12 pontos na semana, mas segue atrasada; milho vai a 75%

SÃO PAULO (Reuters) – A colheita das culturas de verão 2020/21 no Rio Grande do Sul avançou “significativamente” ao longo da última semana, disse a Emater-RS nesta quinta-feira, embora os trabalhos com a soja mantenham atraso frente às safras anteriores.

Segundo o órgão ligado ao governo gaúcho, a colheita da oleaginosa no Estado atingiu 39% da área plantada. A cifra representa avanço de 12 pontos percentuais em relação à semana anterior, tendo sido beneficiada pelos dias ensolarados.

Em comparação com safras anteriores, porém, os trabalhos seguem defasados –em igual período de 2019/20, a colheita atingia 73% das áreas, enquanto a média histórica de cinco anos aponta para 63%.

A Emater-RS estima uma safra recorde de 20,2 milhões de toneladas de soja nesta temporada, o que faria com que o Rio Grande do Sul voltasse a ser o segundo maior produtor da oleaginosa no país, ultrapassando o Paraná.

“A safra segue com boas produtividades”, disse a entidade em informativo semanal, indicando ainda que a maior parte das lavouras remanescentes se encontra em fase de maturação (35%), com 24% em enchimento de grãos e 2% em floração.

Já em relação ao milho verão 2020/21, o avanço de 5 pontos percentuais na semana permitiu que a colheita do cereal permanecesse adiantada, chegando agora a 75% das áreas plantadas.

No mesmo momento da safra passada, os trabalhos alcançavam 71% das lavouras. A média histórica, por sua vez, é de 66%.

“Lavouras colhidas mais recentemente com boas produtividades, diferentemente das primeiras áreas colhidas no noroeste do Estado, que tiveram perdas significativas devido à estiagem na primavera”, afirmaram os técnicos da Emater-RS.

(Por Gabriel Araujo)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH371J7-BASEIMAGE

To Top