Entenda quem ainda terá o Auxílio Emergencial analisado
Auxílio Emergencial

Entenda quem ainda terá o Auxílio Emergencial analisado

Auxilio Emergencial

Entenda quem ainda terá o Auxílio Emergencial analisado Dois dias após a liberação dos primeiros pagamentos do auxílio emergencial, brasileiros ainda enfrentam dificuldades em ter acesso aos recursos. Ontem, o governo afirmou que não concluiu a análise de todos os trabalhadores, e que quem encontra a mensagem “em processamento” no aplicativo Caixa Tem ainda pode receber os recursos.

A Dataprev afirmou que a conclusão da análise dos benefícios retidos de quem está inscrito no CadÚnico está prevista para ocorrer até amanhã. Já o o processamento do público do Bolsa Família deverá acabar no início da semana que vem.

Segundo a Dataprev, empresa que faz o processamento de dados para o governo, o status “em processamento” no Portal de Consultas do Auxílio Emergencial indica que o requerimento foi processado e retido pelo ministério para reprocessamento com dados mais atuais.

“Serão utilizados os cadastros com informações mais recentes, sobretudo considerando a possibilidade de perda de emprego e renda em meio à pandemia”, afirmou o órgão, em nota.

O Ministério da Cidadania, órgão gestor do programa, afirmou que o balanço dos resultados referentes à primeira parcela do Auxílio Emergencial 2021 será divulgado após o término do processamento de todos os lotes (remanescentes dos retidos e público do Bolsa Família), em função das possíveis alterações dos resultados em virtude do reprocessamento dos cadastros.

Troca de telefone

Nos últimos dias, trabalhadores tiveram dificuldades para desbloquear o aplicativo Caixa Tem, único meio atual de utilização do pagamento, e formaram filas nas agências da Caixa Econômica Federal.

De acordo com o banco, para segurança do próprio usuário, o aplicativo Caixa Tem aceita apenas o cadastro de uma conta por número de celular (chip) e até duas por dispositivo. O não cumprimento dessas orientações leva ao bloqueio.

Tire suas dúvidas

Troquei de celular e meu app está bloqueado. O que houve?

A Caixa vincula o cadastro ao número do celular e permite apenas um cadastro por código ou o login na mesma conta em até dois dispositivos móveis diferentes. Os beneficiários que usam vários chips de linhas pré-pagas e têm CPFs vinculados em diversos números de telefone, serão os principais atingidos pela medida de segurança.

Como faço pra desbloquear o aplicativo da Caixa?

A Caixa recomenda aos usuários que tiveram a conta bloqueada entrar em contato com a central telefônica 111 para o desbloqueio. E reforça que o problema não será resolvido nas agências.

Recebi a mensagem “em processamento”, e agora?

Essa mensagem aparece para os benefícios que começaram a ser analisados esta semana. É preciso esperar o resultado e acompanhar pelo app. DataPrev está analisando.

Preciso ficar na fila da agência?

Nesse momento, não há saque dos recursos. É possível tirar dúvida pelo 111 ou no site da Caixa.

Que valor vou receber?

Por mês, são R$ 150 para quem mora sozinho, 250

para famíllias e R$ 375 para mulheres chefes de família.

To Top