Opas alerta que transmissão da Covid está longe de ser controlada nas Américas
Brasil

Opas alerta que transmissão da Covid está longe de ser controlada nas Américas

Opas alerta que transmissão da Covid está longe de ser controlada nas Américas

Por Anthony Boadle

BRASÍLIA (Reuters) – Quase 40% de todas as mortes no mundo por Covid-19 registradas na semana passada aconteceram nas Américas, e quase 80% das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) da região estão ocupadas com pacientes do novo coronavírus, afirmou a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) nesta quarta-feira.

“Este é um sinal claro de que a transmissão está longe de ser controlada em nossa região, embora países como os Estados Unidos e o Brasil estejam relatando reduções de casos”, disse a diretora da Opas, Carissa Etienne, em entrevista coletiva via internet.

Mais de 140 milhões de pessoas foram totalmente vacinadas contra a Covid nas Américas, disse Etienne.

A recente aprovação pela Organização Mundial da Saúde (OMS) da vacina chinesa Sinopharm oferecerá uma nova esperança de expandir o acesso às vacinas nos países latino-americanos, disse a Opas.

“Mas até que tenhamos vacinas suficientes para proteger a todos, nossos sistemas de saúde e os pacientes que dependem deles continuam em perigo”, advertiu Etienne.

O número de casos está caindo no Brasil, mas as infecções estão aumentando nas áreas da Guiana e da Bolívia que fazem fronteira com o Brasil, disse a organização. Na Colômbia, espera-se aumentos ainda mais acentuados nos casos após uma semana de protestos no país.

Cuba continua gerando a maioria das novas infecções no Caribe, disse a Opas, enquanto o Canadá está registrando taxas mais altas de infecções no leste e em todo o território do norte, onde vive uma população predominantemente indígena.

Na entrevista, o gerente de incidentes da Opas, Sylvain Aldighieri, disse que a variante do coronavírus B.1.617, descoberta originalmente na Índia, foi detectada em seis países das Américas e que a Opas está preocupada que seja altamente transmissível.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH4B18P-BASEIMAGE

To Top