Paraguai vira e vence Bolívia por 3 x 1 na Copa América
Esporte

Paraguai vira e vence Bolívia por 3 x 1 na Copa América

Paraguai vira e vence Bolívia por 3 x 1 na Copa América

O Paraguai saiu atrás no marcador após sofrer um gol de pênalti no início do jogo, mas marcou três vezes no segundo tempo para vencer a Bolívia, que teve um jogador expulso no final da primeira etapa, por 3 x 1 na estreia das duas equipes na Copa América no domingo.

A Bolívia teve o desfalque de cinco jogadores que testaram positivo para a Covid-19, incluindo o atacante Marcelo Martins, que marcou sete gols nos sete últimos jogos da seleção.

Os bolivianos não derrotavam o Paraguai em uma partida de Copa América desde 1963, mas começaram a ter esperanças de quebrar a escrita com somente 10 minutos de jogo quando abriram o marcador de pênalti.

O árbitro de vídeo (VAR) apontou a infração depois de toque na mão dentro da área e Erwin Saavedra converteu.

O Paraguai também chegou a ter um pênalti a seu favor marcado na metade da primeira etapa, mas a decisão foi revertida pelo VAR por causa de um impedimento e, embora os paraguaios dominassem as ações, não conseguiam transformar a pressão em gols.

O atacante Kaku, que atua no futebol da Arábia Saudita, desperdiçou uma chance clara a três minutos do fim do primeiro tempo.

O balanço do jogo ficou favorável ao Paraguai nos acréscimos do primeiro tempo, quando o atacante boliviano Jaume Cuellar, de 19 anos, foi expulso ao receber o segundo cartão amarelo.

O Paraguai dominou a etapa complementar desde o início e empatou aos 17 minutos quando Kaku superou o goleiro Ruben Cordano.

Depois de terminar as duas últimas edições da Copa América sem uma vitória sequer, o Paraguai garantiu os três pontos graças aos gols de Angel Romero aos 20 minutos e aos 35 da segunda etapa.

O resultado deixa o Paraguai na liderança do Grupo A, à frente de Argentina e Chile que empataram em 1 x 1 também na segunda-feira. O Uruguai, que completa a chave, estreia na competição contra a Argentina na sexta-feira.

(Reportagem de Andrew Downie)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH5E0J2-BASEIMAGE

To Top