Minério de ferro caminha para 2ª perda semanal com colapso da demanda na China
Asia

Minério de ferro caminha para 2ª perda semanal com colapso da demanda na China

Minério de ferro caminha para 2ª perda semanal com colapso da demanda na China

Os contratos futuros de minério de ferro na maior produtora de aço, a China, caíram nesta sexta-feira rumo a uma segunda perda semanal consecutiva, com o preço referencial de Dalian oscilando perto de seu menor nível em sete meses devido ao temor de mais restrições à atividade siderúrgica.

O minério de ferro mais negociado de janeiro na Bolsa de Commodity de Dalian encerrou as negociações do dia com queda de 0,3%, a 732,50 iuanes (113,66 dólares) a tonelada. Atingiu 717,50 iuanes por tonelada na quinta-feira, o valor mais baixo desde 4 de fevereiro.

O contrato de outubro do ingrediente siderúrgico na Bolsa de Cingapura caía cerca de 1%.

O minério de ferro spot se manteve em uma mínima de nove meses, a 131,50 dólares a tonelada, nesta sexta-feira, mostraram dados da consultoria SteelHome SH-CCN-IRNOR62.

“Os preços do minério de ferro tiveram alguns meses voláteis, mas com o fechamento de agosto, ficou claro que houve uma mudança significativa no mercado, o que nos levou a revisar para baixo nossa previsão de fim de ano de 175 dólares a tonelada para 125 dólares a tonelada”, disse o economista sênior da Westpac Justin Smirk.

A China prometeu limitar a produção de aço bruto este ano em não mais do que a produção de 2020 para conter a poluição industrial. Mas as notícias de possíveis restrições adicionais abalaram o mercado.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH890GO-BASEIMAGE

To Top