Justin Bieber e Lil Nas X são os grandes vencedores do Video Music Awards
Asia

Justin Bieber e Lil Nas X são os grandes vencedores do Video Music Awards

Justin Bieber e Lil Nas X são os grandes vencedores do Video Music Awards

O rapper Lil Nas X e o pop star Justin Bieber receberam os prêmios principais do Video Music Awards (VMA) do canal MTV no domingo durante uma cerimônia repleta de participações inesperadas, apresentações ao vivo e milhares de fãs com máscaras.

A novata Olivia Rodrigo e a banda de K-pop BTS também estiveram entre os maiores vencedores da primeira grande premiação realizada em Nova York com uma plateia cheia de fãs e celebridades desde o início da pandemia de coronavírus.

Bieber, de 27 anos, voltou ao palco do VMA pela primeira vez em seis anos e levou para casa as estatuetas de Artista do Ano e Melhor Pop pelo single “Peaches”.

“A música é um veículo maravilhoso para chegar às pessoas e poder nos unir”, disse Bieber, referindo-se aos dias sombrios da pandemia.

No ano passado, o VMA aconteceu na mesma cidade norte-americana sem plateia, e a maioria das apresentações foi gravada com antecedência por causa da pandemia.

Lil Nas X, músico negro gay de 22 anos que se destacou ao emplacar o sucesso “Old Town Road” dois anos atrás, foi premiado pelo Vídeo do Ano graças ao hino dos direitos gays “Montero (Call Me By Your Name)”.

Alicia Keys cantou “Empire State of Mind” do lado de fora tendo o horizonte nova-iorquino como pano de fundo, e Doja Cat, Ed Sheeran, o rapper local veterano Busta Rhymes, Camila Cabello, Shawn Mendes e Machine Gun Kelly também foram ao palco.

A cerimônia de domingo ainda marcou o 40º aniversário do lançamento da MTV como canal dedicado a vídeos musicais.

Madonna, que também comemorava seus 40 anos no negócio da música, surpreendeu ao fazer a abertura do show. “Eles disseram que não duraríamos. Mas ainda estamos aqui”, disse.

Jennifer Lopez e Cyndi Lauper enlouqueceram fãs com suas participações surpresa, e a segunda opinou sobre os direitos ao aborto dizendo que as mulheres querem “controle sobre seus corpos”.

Rodrigo, de 18 anos, levou três troféus para casa, incluindo os de Melhor Artista Nova e Canção do Ano por “Drivers License”, na premiação decidida pelos fãs, coroando o ano de seu surgimento no cenário musical.

O BTS foi escolhido como Grupo do Ano e Melhor K-Pop pelo single “Butter” e agradeceu por vídeo da Coreia do Sul. Já a banda de rock Foo Fighters recebeu o Prêmio Ícone Global por seus 25 anos de carreira e tocou um medley de sucessos com as palavras “Charlie R.I.P” escritas na bateria, uma homenagem ao falecido baterista dos Rolling Stones, Charlie Watts.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH8C0G5-BASEIMAGE

To Top