Açúcar branco avança 2% antes de vencimento; arábica atinge mínima de 3 semanas
Agro

Açúcar branco avança 2% antes de vencimento; arábica atinge mínima de 3 semanas

Açúcar branco avança 2% antes de vencimento; arábica atinge mínima de 3 semanas

NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do açúcar branco na ICE fecharam em alta de mais de 2% nesta terça-feira, depois de ganhar 4% na sessão anterior, enquanto traders procuravam travar posições antes do vencimento do contrato na quarta-feira.

Os preços do café arábica recuaram para a mínima em três semanas.

AÇÚCAR

* O açúcar branco para outubro, que expira na quarta-feira, fechou em alta de 10,90 dólares, ou 2,2%, a 495,60 dólares a tonelada, estendendo ganhos de segunda-feira enquanto investidores marcavam posição para receber açúcar no vencimento.

* “Um aperto no vencimento também pode ser visto como o comércio observando sinais de mais demanda do que é óbvio atualmente”, disse o Commonwealth Bank of Australia.

* “Porém, se essa urgência de compra irá continuar é uma questão em aberto”, acrescentou.

* O açúcar bruto para outubro fechou em queda de 0,02 centavo de dólar, ou 0,1%, a 18,96 centavos de dólar por libra-peso.

* A França, maior produtor de açúcar da União Europeia, deve colher 33,12 milhões de toneladas de beterraba este ano, um aumento de 26,4% em relação a 2020, disse o ministério da fazenda.

* O furacão Ida danificou cerca de 118 mil acres de plantações de cana-de-açúcar na Louisiana, ou cerca de 26% da safra que seria colhida para a produção de açúcar no Estado.

CAFÉ

* O café arábica para dezembro fechou em queda de 1,35 centavo de dólar, ou 0,7%, a 1,8545 dólar por libra-peso, atingindo a mínima de três semanas de 1,8250 dólar anteriormente na sessão.

* O arábica tem recuado lentamente desde que disparou acima dos 2 dólares por libra-peso no final de julho, atingindo sua máxima em quase sete anos, após geadas no maior produtor, o Brasil.

* Chuvas foram registradas no final de semana e mais volumes são esperados nos próximos dias no Brasil, o que pode melhorar as perspectivas para a safra do próximo ano.

* O café robusta para novembro avançou 6 dólares, ou 0,3%, a 2.063 dólares a tonelada.

(Reportagem de Marcelo Teixeira e Maytaal Angel)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH8D10U-BASEIMAGE

To Top