Contra o Grêmio, Flamengo tenta dar ritmo a Pedro e Arrascaeta para final
Últimas Notícias

Contra o Grêmio, Flamengo tenta dar ritmo a Pedro e Arrascaeta para final

O Flamengo deve encarar o Grêmio às 21h desta terça-feira (23) com time reserva, já preservando as suas principais estrelas para a final da Copa Libertadores, prevista para ocorrer no próximo sábado (27), no Uruguai, diante do Palmeiras.

No entanto, há dois jogadores que devem ganhar alguns minutos em Porto Alegre e podem mexer na prancheta de Renato Gaúcho para a decisão. O primeiro deles é De Arrascaeta. O uruguaio jogou os 20 minutos finais da vitória por 2 a 1 sobre o Internacional no sábado (20).

Recuperando-se de lesão, o meia estava ausente do time há mais de 40 dias e tinha retorno previsto apenas para a decisão. Caso se apresente sem dores em Porto Alegre e consiga manter o ritmo sem risco de desgaste, ele pode brigar pela vaga com Michael ou ser uma arma para parte da finalíssima.

O outro retorno possível é de Pedro. No domingo (21) ele fez o seu primeiro treino coletivo após se recuperar de uma artroscopia no joelho. No caso dele, a possibilidade de uma titularidade em Montevidéu é remota, dado que Gabigol está saudável e em boa fase.

Contudo, o centroavante também pode ser uma carta para os momentos derradeiros da partida se estiver em condições.

Em termos de Libertadores, ambos tiveram importante participação nesta campanha até a final. Arrascaeta participou de 11 jogos, sendo responsável por quatro gols e sete assistências. Já Pedro balançou as redes duas vezes nas nove partidas em que entrou em campo.

Bruno Henrique, que não atuou no duelo recente com o Inter, também treinou com bola na reapresentação do elenco, mas já tem situação menos preocupante: ele apenas se recupera de uma tendinite no joelho direito. Pode ser que ele ganhe alguns minutos contra os gremistas.

Renato Gaúcho chegou a ser questionado na coletiva pós-jogo no Beira Rio se o time terá titulares contra o Grêmio, pensando nas chances matemáticas de ainda brigar pelo título brasileiro. O Flamengo é atual vice-colocado, com 66 pontos, oito a menos que o Atlético-MG.

“Acho que o mais importante de tudo é o Flamengo fazer a parte dele jogo a jogo e ver o que acontece. Até porque temos esse jogo na terça e depois a final. É fazer o dever de casa e ver o que acontece no jogo do Atlético”, disse ele, se referindo a duelo dos atleticanos justamente com o Palmeiras no mesmo dia.

Em ocasião anterior, no entanto, ele havia afirmado aos repórteres que o Flamengo não estava na briga pelo Brasileiro por conta de erros do VAR e que não mexeria no planejamento feito “há duas ou três semanas” para as rodadas que antecederiam a ida ao Uruguai.

Do lado gremista, a escalação virá com força total, já que o time foca apenas em suas “finais de Mundial” no Brasileiro, conforme disse o vice-presidente de futebol tricolor, Denis Abrahão, ao tratar do espírito da equipe para tentar evitar um novo rebaixamento à Série B.

Com três vitórias nos últimos quatro jogos, o Grêmio chegou aos 35 pontos, a quatro do Juventude, primeiro time fora do Z-4.

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Horário: 21h (de Brasília) desta terça-feira (23)

Árbitro: Bráulio da Silva Machado (FIFA-SC)

VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (FIFA-SC)

Transmissão: Premiere

To Top