Holanda transfere pacientes de Covid-19 à Alemanha devido a crise em hospitais
Europe

Holanda transfere pacientes de Covid-19 à Alemanha devido a crise em hospitais

Holanda transfere pacientes de Covid-19 à Alemanha devido a crise em hospitais

AMSTERDÃ (Reuters) – A Holanda começou a transportar pacientes com Covid-19 pela fronteira para a Alemanha nesta terça-feira para diminuir a pressão em seus hospitais, que estão reduzindo atendimentos de rotina para lidar com uma disparada de casos de coronavírus.

Um paciente foi transferido de ambulância de Roterdã a um hospital de Bochum, cerca de 240 quilômetros ao leste, na manhã desta terça-feira e outro seguirá ainda hoje, disseram autoridades de saúde.

O número de pacientes de Covid-19 em hospitais holandeses atingiu seu maior nível desde maio nas últimas semanas e deve crescer ainda mais agora que as infecções saltam para níveis recordes.

Até segunda-feira, 470 de um total de 1.050 leitos de unidades de tratamento intensivo da Holanda estavam sendo ocupados por pacientes de Covid-19. Os hospitais já estão reduzindo outros procedimentos, como tratamentos de câncer e operações cardíacas, para abrir espaço.

Ainda nesta terça-feira, a autoridade de saúde holandesa (NZA) disse que quase um terço de todas as salas de operação do país foram fechadas para limitar o uso de leitos de unidades de tratamento intensivo.

Os prazos de cirurgias essenciais estão sendo descumpridos em cerca de um quinto de todos os hospitais holandeses, informou a NZA, e vários tipos de atendimento foram descartados em 49 dos 73 hospitais do país.

No total, hospitais alemães oferecem 20 leitos a pacientes da Holanda, e trataram dezenas durante ondas anteriores da pandemia.

Planos do governo holandês para impor restrições adicionais para conter o vírus resultaram em três noites de tumultos a partir de sexta-feira e mais de 170 prisões em cidades de todo o país.

(Por Bart Meijer)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEHAM0PH-BASEIMAGE

To Top