Aposentadoria: qual é o seu plano para o futuro?
Benefícios

Aposentadoria: qual é o seu plano para o futuro?

9 entre 10 vão pesquisar antes de comprar nesta Black Friday

Aposentadoria: qual é o seu plano para o futuro? Nossa velhice promete ser longa, estamos vivendo mais, e queremos nos aposentar mais cedo. Isso pode ser um paradoxo… o tempo da aposentadoria pode ser maior do que o tempo que passamos trabalhando. Precisamos de um bom patrimônio para bancar essa que pode ser a fase mais longa de nossas vidas.

Sempre que um ano novo começa é tradição que façamos planos, promessas, intenções, esperançosos com os novos tempos.

Aproveito a oportunidade para propor uma meta para o seu planejamento de 2022: um presente seu, para você, data de entrega aos 70 anos de idade, uma mesada de R$ 1.000 durante 30 anos, até os cem anos de idade. Gostou da ideia? Então mãos à obra.

TRÊS INGREDIENTES FARÃO O BOLO CRESCER:

  1. A quantidade de dinheiro depositada todos os meses;
  2. O tempo de acumulação, ou seja, quando começaremos a investir;
  3. A rentabilidade ao longo do tempo.

Como a rentabilidade não depende de nós, seja conservador, pense em taxa real de juros, acima da inflação, e líquida, deduzidos os custos e impostos. As outras duas, quanto investir e quando começar a fazer isso, são decisões nossas, cada um de nós decide o que fazer para garantir um futuro sustentável. Posso garantir que, quanto mais cedo começarmos a poupar para o futuro, menor será o esforço.

Preciso trazer números para deixar essa meta mais tangível e ajudar a responder a uma pergunta em que todos devem estar pensando: quanto preciso investir para “ganhar” uma renda mensal de R$ 1.000 durante 30 anos, dos 70 aos 100 anos de idade?

Com a ajuda de uma calculadora financeira e utilizando uma taxa de juros real líquida de 2% ao ano, identifico que precisamos de cerca de R$ 270 mil para permitir saques mensais de R$ 1.000, até que o capital se esgote 30 anos depois.

A segunda pergunta é: quanto preciso poupar todos os meses para acumular os R$ 270.000 aos 70 anos?

Utilizando a mesma premissa de juros, a resposta depende do tempo de acumulação, ou seja, com que idade começaremos a investir para atingir essa meta.

Quem começa a poupar aos 30 anos investe R$ 370 por mês. Como o tempo de acumulação será longo, 40 anos, investe R$ 370 para ter uma renda futura de R$ 1.000! Isso mesmo, resgata quase três vezes o valor aplicado. Qual é a mágica? O tempo e os juros!1 5

Quem começa aos 40 anos investe R$ 550, para sacar cerca de duas vezes o que depositou, nada mal! O tempo de acumulação e o de desacumulação são os mesmos, 30 anos.

Quem começa aos 50 faz um esforço maior, investe R$ 918, praticamente o mesmo valor que irá sacar. Sabe por quê? Porque o tempo de acumulação será menor do que o tempo de desacumulação.

Quem começa aos 60 anos, somente dez anos antes da data em que os saques começarão a ser feitos, terá um enorme desafio pela frente, investe cerca de R$ 2.000 todos os meses para sacar metade do que depositou. Provavelmente se arrependerá de não ter começado a pensar no futuro quando ainda era jovem…

Para projetar saques maiores, de R$ 2.000 ou R$ 3.000, por exemplo, basta multiplicar os números por 2 ou 3. E lembre-se de que se trata de uma simulação, considerando juros reais líquidos de 2% ao ano ao longo do tempo.

Não será fácil sacrificar um pouco do prazer imediato para uma meta distante, que ainda não é percebida como necessária. Mas não se esqueça do propósito: um presente seu, de você hoje, para você aos 70 anos.

Feliz ano novo!

To Top