Jack Dorsey, ex-CEO do Twitter, cria fundo para ajudar criadores de criptomoedas a lidar com 'dores de cabeça' legais
Últimas Notícias

Jack Dorsey, ex-CEO do Twitter, cria fundo para ajudar criadores de criptomoedas a lidar com ‘dores de cabeça’ legais

portalmixvalegoogle

Jack Dorsey, ex-CEO do Twitter, anunciou a criação do Fundo de Defesa Legal do Bitcoin, um grupo sem fins lucativos para ajudar desenvolvedores da criptomoedas que enfrentam “dores de cabeça” legais.

Em um e-mail enviado a uma lista de desenvolvedores nesta quarta, Dorsey, que não esconde a predileção pelo bitcoin, escreveu que “o litígio e ameaças contínuas atingiram o efeito desejado; os réus individuais optam por capitular na ausência de apoio legal”.

Entenda: Saiba quem é Parag Agrawal, o novo CEO do Twitter

O fundo criado por Dorsey vai providenciar orientação jurídica gratuita, com força-tarefa de advogados voluntários em tempo integral ou meio expediente.

Integrandes do comitê, incluindo o ex-CEO, vão avaliar casos e decidir quais podem recorrer ao auxílio do grupo. Dorsey não afirmou quanto dinheiro foi direcionado ao fundo.

Fundador da empresa de pagamentos Block, ex-Square, o ex-Twitter mergulha de cabeça no desenvolvimento de bitcoins, segundo relatórios da DealBook.

Ele deixou o cargo de CEO da rede social em novembro para focar em projetos ambiciosos para a Block, e afirmou que a criptomoeda é a coisa mais importante com a qual pode trabalhar na vida. A empresa tem mais de US$ 350 milhões em bitcoins.

Nova taxação: CEO da Microsoft, Satya Nadella, vende mais de US$ 285 milhões em ações da empresa

Um dos primeiros a aderir é a Tulip Trading, uma empresa com sede no Seychelles, país africano, e comandada por Craig Wright, um litigioso cientista de dados australiano. Ele diz ser Satoshi Nakamoto, o pseudônimo do criador do Bitcoin.

Wright processou desenvolvedores-chave da criptomoeda depois de perder uma fortuna em invasão hacker, alegando falhas no dever fiduciario. Ele acrescenta que um pequeno time de pessoas controla a rede de bitcoin e tem o dever de proteger usuários e ajudar a recuperar tokens perdidos devido ao furto.

Uma possível perda para os desenvolvedores neste caso poderia ter um efeito arrepiante, que é provavelmente o motivo de Dorsey ter afirmado que o novo fundo irá “tomar as rédes de coordenação da defesa existente”.

Se desenvolvedores foram responsabilizados pelas perdas causadas por hackers, os riscos para a rede Bitcoin podem superar as recompensas.

To Top