Europe

Rússia coloca irmão de oposicionista Navalny em lista de procurados

Rússia coloca irmão de oposicionista Navalny em lista de procurados

MOSCOU (Reuters) – A Rússia colocou o irmão do crítico do Kremlin Alexei Navalny, atualmente preso, em uma lista de procurados, de acordo com os registros do Ministério do Interior, num momento em que ele enfrenta uma intimação para uma audiência judicial que poderia converter uma sentença suspensa contra ele em pena de prisão.

Oleg Navalny, cujo paradeiro é desconhecido, foi detido em prisão domiciliar entre janeiro e abril do ano passado e recebeu uma sentença suspensa de um ano por violação das normas de segurança ligadas à pandemia da Covid-19.

Essas acusações foram apresentadas depois que ele participou de um comício em Moscou contra a prisão de seu irmão Alexei.

O Serviço Penitenciário Federal solicitará a um tribunal de Moscou, em 18 de fevereiro, que condene Oleg Navalny a pena de prisão por não cumprir as restrições impostas contra ele por violação das normas de segurança, disse seu advogado na quarta-feira.

O jovem de 38 anos foi libertado da prisão em 2018 depois de cumprir três anos e meio por uma condenação por desvio de fundos que os críticos dizem ter sido projetada para pressionar seu irmão e sufocar a dissidência.

Alexei Navalny recebeu uma sentença suspensa no mesmo caso, convertida em pena de prisão no ano passado por causa de supostas violações da liberdade condicional. Ele diz que as acusações contra ele têm motivação política.

Um militante contra a corrupção e crítico do presidente russo, Vladimir Putin, durante a última década, ele sobreviveu a um envenenamento por um agente nervoso em 2020 e sua rede política foi banida como “extremista” no ano passado.

(Reportagem de Gabrielle Tétrault-Farber e Anton Zverev)

tagreuters.com2022binary_LYNXMPEI0P0KQ-BASEIMAGE

To Top