Brasil

TSE envia respostas a representante das Forças Armadas sobre dúvidas técnicas de sistema de votação

TSE envia respostas a representante das Forças Armadas sobre dúvidas técnicas de sistema de votação

A Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviou ao representante das Forças Armadas na Comissão de Transparência das Eleições respostas às dúvidas técnicas que haviam sido apresentadas sobre o sistema eletrônico de votação no país.

A informação foi divulgada nesta segunda-feira pelo presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, em comunicado.

Segundo o tribunal, haviam sido apresentadas durante o recesso do Judiciário 80 perguntas específicas para se “compreender o funcionamento das urnas eletrônicas, sem qualquer comentário ou juízo de valor sobre segurança ou vulnerabilidades”.

“As questões, de natureza técnica, foram respondidas detalhadamente pela Secretaria de Tecnologia da Informação do TSE em um documento com 69 páginas e três anexos, somando pouco mais de 700 páginas. Contudo, a íntegra do documento não foi divulgada por estar sob sigilo a pedido dos autores das perguntas”, informou o TSE, em nota.

Na sexta-feira passada, o TSE –sem citar nominalmente o presidente Jair Bolsonaro– já havia rebatido o chefe do Executivo. Ele chegou a falar em uma live na quinta-feira o tribunal não havia se pronunciado sobre vulnerabilidades no sistema de votação apontadas pelas Forças Armadas, voltando seu discurso novamente a colocar em dúvida o sistema eleitoral eletrônico.

O TSE deixou claro, entretanto, tanto na semana passada quanto nesta segunda, que o questionamento foi de natureza técnica.

Bolsonaro, que no ano passado defendeu o voto impresso, questionou a confiabilidade das urnas eletrônicas chegando a insinuar que não aceitaria o resultado de eleições que não ocorressem de maneira “limpa”, havia amenizado o tom após uma crise institucional.

tagreuters.com2022binary_LYNXMPEI1D0VA-BASEIMAGE

To Top