Economia

Reguladores emitem orientações para ajudar organizações bancárias a gerenciar riscos, diz Fed

As agências reguladoras de bancos federais do Estados Unidos emitiram nesta quarta-feira orientações conjuntas finais destinadas a ajudar organizações bancárias a gerenciar riscos associados a relacionamentos com terceiros, incluindo empresas de tecnologia financeira. Segundo comunicado emitido pelo Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), a orientação final substitui as existente para cada agência e promove a consistência nas abordagens de supervisão em relação ao gerenciamento de riscos de terceiros.

A diretora do Fed Michelle Bowman afirmou que a orientação contempla que as agências planejam desenvolver recursos adicionais para auxiliar bancos comunitários menores e não complexos no gerenciamento de riscos relevantes de terceiros, mas não fornece cronograma para o desenvolvimento desses recursos.

“Na verdade, a orientação reconhece essas diferenças fundamentais entre os bancos, mas aplica as mesmas expectativas a todos os bancos, independentemente de seu tamanho e complexidade. O desenvolvimento dos recursos necessários para promover o gerenciamento de risco de terceiros para bancos comunitários, instituições que podem ganhar significativamente com a clareza nessa área, deveria ter ocorrido simultaneamente com o desenvolvimento da orientação”, questionou ela. “Embora a orientação de hoje possa ser um passo útil para promover uma sólida gestão de riscos de terceiros e melhorar a consistência entre as agências entre os reguladores, ela também faz parte de um padrão preocupante de desvio das agências da abordagem personalizada baseada em risco para supervisionar e regular os bancos”, afirmou Bowman.

E criticou: “Os bancos menores são uma parte vital do sistema bancário. Seu objetivo principal é atender a diversas comunidades e empresas que não são bem atendidas por outras instituições financeiras. Esses exemplos de fornecer um tamanho único para todas as expectativas regulatórias para bancos, incluindo pequenos bancos, e não considerar e mitigar adequadamente a carga de conformidade e implementação imposta a esses pequenos bancos, sinalizam uma tendência preocupante em nossa abordagem regulatória.”

Já o diretor do Fed Christopher Waller aprovou a medida, e reforçou o compromisso das agências de se envolver com os bancos comunitários imediatamente e desenvolver recursos adicionais de forma expedita para auxiliar os bancos na gestão de riscos de terceiros promoverá práticas de gestão de risco eficientes e rigorosas.

To Top